O Islão e a pedofilia – Recados para a Zana

Uma leitora pergunta-me, com mal contida indignação, aqui, o seguinte: “desculpe la oh maquinaZERO! com que bases e k voce diz que a pedofilia e autorizada pelo islao?” Se fosse proibida, minha cara Zana, isto não acontecia:

muslimpedomarriage.gif pedoislam02.gif

Na foto da esquerda, Ghulam Haider, 11 anos de idade, casada com Faiz Mohammed, de 40 anos. À direita, Roshan Qasem, de 11 anos, casada com Said Mohammed, de 55 anos. Mais casos iguais (alguns piores) nesta reportagem do New York Times. E isto não acontece só no Afeganistão. Um pouco por todo o mundo muçulmano (e não só..) coloca-se o mesmo problema. Aqui, por exemplo, numa secção de pergunta/reposta deste site islâmico, Islamic Voice, um preocupado pai coloca a questão de a sua filha, de nove anos de idade, ter casado, aos oito anos, com um homem de vinte e recusar-se, agora, a ir viver com ele. E não estamos a falar do século VII, quando Aisha casou com o profeta Maomé, tinha ela sete anos (embora o casamento só fosse consumado quando chegou aos nove anos de idade). Estamos a falar dos tempos actuais.

Mas o que é que o Islão determina, em matéria de idade mínima para o casamento? Nada. Ou melhor, numa habilidade muito própria dos muçulmanos, diz que as mulheres se podem casar logo que atingirem a maturidade sexual – um conceito obviamente pré-medieval, tal como toda esta “religião da paz”. Como bem salienta um cidadão indiano, numa carta de leitor ao Deccan Herald, a Lei, na Índia estabelece os 18 anos como idade mínima para o casamento. Mas os muçulmanos alegam estar dispensados deste prescrição legal, invocando a Sharia. E esta convicção é tão grande, entre os 100 milhões de muçulmanos daquele país, que o All-India Muslim Personal Law Board decidiu colocar um acção em tribunal, exigindo que as meninas muçulmanas possam casar de acordo com a lei islâmica – logo após surgir a primeira menstruação.

Não resisto a salientar aqui, mesmo em inglês, a noção primitiva de casamento e a forma desavergonhada e ridícula como o Al Islam Online defende os casamentos arranjados: “(…) marriages amongst Muslims are usually arranged, with the consent of both boy and girl. Parents or guardians arrange the marriages of their children once they reach a suitable age and level of maturity. If you have grown up in Western society, you may find this idea difficult to accept at first. But this method of mate selection has been practiced for hundreds of years and really does produce more stable and happy marriages. A comparison of divorce rates between Western society, where dating is the norm, and Islamic societies will clearly show that arranged marriages last longer and are more secure.” Claro. O facto de as mulheres, no mundo muçulmano, serem tratadas abaixo de cão e não terem direitos praticamente nenhuns, é uma invenção ocidental. Bem, adiante.

Ali mesmo ao lado, no Paquistão, onde nascer mulher é um pesadelo, temos os tribunais a reconhecer casamentos de crianças com 12 anos de idade – uma excepção à lei geral, mas prevista e justificada com princípios islâmicos, como fez questão de salientar o próprio Supremo Tribunal de Lahore. Ainda no Paquistão, as mulheres são casadas com a mesma displicência com que se negoceiam mulas e camelos. Neste caso, três irmãs foram dadas como noivas, a membros de um clã rival, para compensar um caso de assassínio. Deve ser aquilo que o Al Islam Online define como os tais casamentos arranjados que duram mais e são mais estáveis que os seus congéneres ocidentais.

É interessante reparar que em Hyderabad, na Índia, floresce um interessante negócio de casamentos de menores, virgens, com ricos árabes, “um autêntico crime consumado ao abrigo das regras de ‘nikaah’, as normas do casamento islâmico”, como escreve o The Times of India. Claro que, minha cara Zana, tudo isto que eu escrevi neste post é falso. É inventado pelos inimigos do Islão. Não existe. As fotografias foram montadas pela CIA, as notícias da BBC são manipuladas pelo MI5, os sites islâmicos que eu consultei são fachadas construídas pela Mossad. O Islão não tolera, não admite, não encoraja casamentos de menores nem casamentos forçados.

O facto de 170 milhões de muçulmanos paquistaneses, mais 100 milhões de muçulmanos indianos, mais 31 milhões de afegãos (300 milhões, no total) praticarem tranquilamente o casamento com crianças (pedofilia, no Ocidente) não tem significado nenhum. Isto, sem falar nos milhões de muçulmanos nigerianos e africanos em geral (que juntam à pedofilia a mutilação genital feminina), muçulmanos indonésios e de tantos outros países do Médio Oriente, unidos pela fé e pelo prazer de “saborear” meninas virgens.

168 respostas a O Islão e a pedofilia – Recados para a Zana

  1. Anónimo diz:

    Quando o mafoma era novo casou com uma velha rica.
    Quando era velho aterrorizou uma pobre e coitada criança .
    Imaginem um velho danado e doido de 54 anos, habituado a matar pessoas por tudo e por nada,com uma simples e inocente criança de 9 anos.
    Ora este segundo exemplo é muito copiado.
    Seria também interessante saber quantas mulas ricas hoje em dia casam com barbudos novos.
    É para copiar é para copiar hão-de as mulas entradotas pensar.

  2. The Studio diz:

    Bem me parecia que o Maomé tinha ar de pedófilo lololol… Afinal, consumar o acto com uma criança de 9 anos é ou não é pedofilia?

    • Anónimo diz:

      o islao e uma religiao muito moralista por-isto lave aboca com sabbao antes de falar dos mucumanos

      • henrique diz:

        Muito moralista. E as fotos postadas, como disse o maquinazero, foram montadas pela CIA.
        Esse vídeo também é interessante. Também não concordei coma forma como a entrevista foi feita a uma criança, mas, eis o vídeo.

        at,

  3. Mesmo tendo em conta o facto de serem outros tempos, parece-me algo exagerado, ter relações sexuais com crianças de 9 anos…

  4. Anónimo diz:

    Os judeus podem fazer sexo com crianças de 3 anos!

    Para sua referência:
    The Tannaïtic Midrash Sifre to Numbers in §157 comments on the above quoted commandment of MOSES to kill the Midianite women as well as the male children….”

    “….According to the Tannaïte Rabbis, MOSES therefore had ordered the Israelites to kill all women older than three years and a day, because they were “suitable for having sexual relations.” [138]….”

    “Said Rabbi Joseph, “Come and take note: A girl three years and one day old is betrothed by intercourse…..”

    “A girl three years and one day old is betrothed by intercourse. “A girl three years old may be betrothed through an act of sexual intercourse,” the words of R. Meir. And sages say, “Three years and one day old.”…..”

    Daí toda a depravação que vemos por aí de violação de crianças. Os padres que lêem a Biblia devem inspirar-se.

    É a mesma Bíblia que diz:

    Números 31:17 Agora, pois, matai todos os meninos entre as crianças, e todas as mulheres que conheceram homem, deitando-se com ele.

    Números 31:18 Mas todas as meninas, que não conheceram homem, deitando-se com ele, deixai-as viver para vós.

  5. Anónimo diz:

    Já agora que idade tinha José e que idade tinha a Maria? Quando Maria teve Jesus talvez tinha 12 a 14 anos de idade. Aqui não está a pedofilia de deus meter-se com uma criança?

    • PEDRO diz:

      POR QUE VC NAO TEM PEITO PARA EXPOR-SE NAS SUAS CONVICÇOES SOBRE A BIBLIA,ASSENTE-SE PARA DIALOGAR.

    • al rachid al shahid diz:

      aonde tu viste que nossa senhora tinha 12 ou 14 anos quando teve Jesus?
      deves estar a sonhar…

      aonde viste Deus meter se com uma criança
      tu sabes o que estas a dizer?

      se tems consciencia do que dizes vale mais estares calado, se nao tens consciencia do que dizes entao cala te..

  6. Caturo diz:

    O maior problema não está naquilo que aconteceu noutros tempos, quando se permitia a pedofilia.

    O maior problema está no facto de que, para os muçulmanos, Maomé é perfeito e, por isso, tudo o que ele fez é considerado correcto. Por isso é que o regime islâmico republicano iraniano, quando se impôs, em 1979, alterou a lei para que as raparigas de nove anos pudessem casar com adultos.

  7. Anónimo diz:

    Caturo, o problema é que continua a acontecer. O Papa Bento XVI quando era cardeal, impediu investigação de padres que abusaram de menores. Os abusos acontecem porque os padres lêem a Bíblia todos os dias, crêem no que lêem e o que Deus supostamente permitiu.

    Se o MZ defendesse a eliminação das relgiões o seu raciocínio tinha mais lógica, porém ele defende aqueles que continuam a ensinar as coisas mais perversas! Basta ler a Bíblia e especialmente o Talmude (que é a interpretação feita pelos eruditos judeus).

    Os sionistas judeus acreditam no assassinato em massa de rapazes e a violação de meninas. Está tudo preto no branco na Bíblia e no Talmude.

    • al rachid al shahid diz:

      nao é porque porcos de padres abusaram de crianças, que se deve tolerar nas outras religioes outros porcos que abusam da inocencia de crianças

    • Thiago diz:

      A ICAR Não aceita a pedofilia, apezar de existirem padres pedófilos, que no qual os abusos ocorridos são signicamente menor que em famílias não religiosos, e outras profissoes como medicos, policiais etc…

  8. Fernando Alves diz:

    É triste ver pessoas a defender o que os muçulmanos fazem hoje em dia com o único argumento de criticar coisas que o cristianismo e o judaísmo faziam há centenas ou milhares de anos.

    Nós, pelo menos, evoluímos. Esses senhores continuam na idade das Trevas. E há na Europa quem os defenda.

  9. Caturo diz:

    Os abusos acontecem porque os padres lêem a Bíblia todos os dias, crêem no que lêem e o que Deus supostamente permitiu

    Alto aí – a Bíblia diz que Deus permitiu ou permite a pedofilia?…

  10. Caturo diz:

    E há na Europa quem os defenda

    Traidores, sempre os houve.
    O mais grave é que, agora, os traidores estão bem alcandorados precisamente ao nível da elite cultural e política da Europa, ou seja, precisamente do núcleo donde deveria partir o movimento de resistência ao eterno inimigo.

  11. Anónimo diz:

    O fernando Alves diz: “É triste ver pessoas a defender o que os muçulmanos fazem hoje em dia com o único argumento de criticar coisas que o cristianismo e o judaísmo faziam há centenas ou milhares de anos.

    Nós, pelo menos, evoluímos. Esses senhores continuam na idade das Trevas. E há na Europa quem os defenda.”

    Ai é? Quem promove o “clipper” a prostituição infantil na Tailândia, na Cambodia etc? Não são os europeus e os americanos?

    E os padres que se metem com as crianças? São depravados ou é a religião que os ensina? Pelo menos a Bíblia ensina a pedofilia.

    Querem mesmo que eu escreva aqui toda a porcaria que os judeus lá colocaram?

    • al rachid al shahid diz:

      nao faças propaganda contra os europeus ou americanos como pedofilos promovendo a pedofilia na tailanda, ve se ja aqui a quem pertences…nao podes globalisar um caso ou varios casos num caso geral ou globalisado..
      como nem todos os musulmanos casam com meninas de 9 anos..
      agora uma coisa é certa ! aqui na europa condena se a pedofilia, e na tua terra?

  12. Farid diz:

    “O facto de 170 milhões de muçulmanos paquistaneses, mais 100 milhões de muçulmanos indianos, mais 31 milhões de afegãos (300 milhões, no total) praticarem tranquilamente o casamento com crianças (pedofilia, no Ocidente) não tem significado nenhum. Isto, sem falar nos milhões de muçulmanos nigerianos e africanos em geral (que juntam à pedofilia a mutilação genital feminina), muçulmanos indonésios e de tantos outros países do Médio Oriente, unidos pela fé e pelo prazer de “saborear” meninas virgens.”

    E assim entramos no domínio da paranóia total. Antes de mais, pergunto-me porque dou ao trabalho de ler ou comentar num blogue que aponta o fórum da Myciw.org como o maior repositório de textos anti-semitas, ao mesmo tempo que “linka” para sites racistas ou de inspiração neonazi na coluna do lado (“Blogues Nacionalistas” e quejandos) – e onde os autores destes últimos vêm frequentemente defecar a mesma diarreia mental nas caixas de comentários. Chego à seguinte conclusão: é puro gozo da minha parte, como os “posts” dos “basofes” me vieram lembrar uma vez mais. Obrigado por me fazer rir a bandeiras despregadas de vez em quando. Continue!

    Em relação a este texto, situações como as que são relatadas são denunciadas pelos media e pelas sociedades civis, seja da Índia, do Paquistão ou de outro sítio qualquer, como aliás os próprios “links” indicam. São denunciados por “muçulmanos”, já que gosta tanto da palavra. Sim, não é normal casar com meninas de nove anos de idade no séc. XXI – embora a Virgem Maria pudesse bem ter andado pelos 12 ou 13 anos quando concebeu, e ser a essa a idade com que se casavam princesas portuguesas e europeias em outros tempos; claro que isso não justifica nada, à luz da evolução das sociedades humanas actuais. Muito do que antes parecia aceitável já não o é, na China ou na Islândia. Qualquer fundamentalista islâmico que o tente justificar em público sabe bem a ira em que incorre. Os casos relatados devem-se à ignorância e à pobreza extrema, e o exemplo das crianças/adolescentes indianas vendidas pelas famílias a árabes ricos não diferem de situações semelhantes no Ocidente, envolvendo pobreza e miséria, em que mulheres eslavas ou de regiões pobres são vendidas ou forçadas à prostituição. São casos extremos de degradação, que não fazem de todas as mulheres europeias um bando de putas, como é óbvio, nem representam uma situação normal na cultura ocidental. Só alguém particularmente alterado vai julgar mil milhões de pessoas de todas as raças e espalhadas pelo mundo, citando notícias destas, “sites” fundamentalistas da Internet ou casos de mutilação genital feminina em África.

    A poligamia é igualmente vista como um anacronismo de outras épocas – todas as sociedades humanas foram poligâmicas ou tolerantes em relação à prática até há não muitos séculos, devido a circunstâncias várias. Não faltará quem cite o Alcorão para a criticar. E é sobretudo em culturas subdesenvolvidas e afectadas pela pobreza e pela ignorância, como no Afeganistão, que ela ainda se verifica. Por outro lado, um muçulmano culto e que tente manter-se informado não olha Maomé como nenhum anjo ou santo. Era um homem da sua época, não incapaz de piedade, mas guerreiro. Em dada época, teve inclusivamente mais de quatro esposas. Eram as diferentes tribos que se aliavam à do profeta que o propunham, como uma espécie de símbolo de união dinástica, e não o aceitar talvez fosse visto como uma ofensa. Tais uniões talvez não tenham tido, sequer, qualquer significado sexual, não passando da dedicação platónica, se tanto. Os árabes da época ainda não traduziam as obras de Platão e Sócrates, nem se divertiam com a astronomia, álgebra ou outra ciência. Eram uma tribo do deserto, que vivia nas suas tendas com cavalos e camelos. Nada disso invalida que se tenham tornado numa civilização brilhante e cosmopolita, capaz de amar e de se deleitar com a diferença e a diversidade, e com os seus altos e baixos. Nada disto invalida que os mesmos possam ser, ainda, e ultrapassadas as barreiras do subdesenvolvimento, uma parcela sofisticada e evoluída da humanidade.

    • al rachid al shahid diz:

      OUTRO A DEFENDER A PEDOFILIA
      O FACTO DE MUSULMANOS CASAREM COM CRIANçAS NAO TEM SENTIDO NENHUM…deviam ter casado a tua filha com 3 anos a ver se nao teria sentido…

      • al rachid al shahid diz:

        AO FARID deves intender tanto de princesas portuguesas dos outros tempos como de religiao e casamentos europeus..quando dizes que a virgem Maria casou se com 12 ou 13 anos devias certamente viver na palestina, as tantas es algum enviado de Deus…
        ve se com cada mentiroso neste mundo…
        e ainda por cima apoia o casamento com meninas de 9 anos..mais um salafista em Portugal !

      • al rachid al shahid diz:

        o casar com meninas tem sentido para abusadores de crianças,
        que por traz de religiao e tradiçoes tentam revendicar a continuaçao cultural, é o caso do taliban que luta a morte contra o occidente para conservar a herança islamica e os seus privilegios..o homen domina completamente a mulher que é considerada igual a um cao, ou um burro de carga..prova é existe um edit ou um escrita no alcorao que diz quando vires uma mulher ou um cao ou um burro, deixa de rezar…
        para eles tudo o que for lutar para continuar com a tradiçao tem sentido…e como sabem que a civilisaçao da imagem e dos medias vao focalisando as asneiras ancestras e uma cultura primitiva,que tentam guardar, entao combatem a nossa cultura ao maximo para valorisar essa cultura baseada na religiao..e seus tabus, rejeitados pelo occidente…

  13. Anónimo diz:

    Parabens a este Farid.
    Texto com pés e cabeça.
    Mas tenha cuidado, olhe que aquela gente não deve apreciar muito pessoas como sr.

  14. Vertebrado diz:

    Anónimo, tenha cuidado com o quê?
    Se essa gente tivesse tomates não estaria escondida “atrás dos blogs”.
    Farid, não vale a pena deperdiçar tempo com estes tapados. They are all narrow-minded. Quando voçê tiver razão irão mudar de assunto. Deixe-os à deriva, gente teimosa e burra é isso que mereçe.

  15. Meu caro Farid: estou completamente de acordo consigo, em vários aspectos! Por exemplo, quando você diz que “não é normal casar com meninas de nove anos de idade no séc. XXI”; quando você diz que “um muçulmano culto e que tente manter-se informado não olha Maomé como nenhum anjo ou santo. Era um homem da sua época, não incapaz de piedade, mas guerreiro”; quando você diz que “nada disto invalida que os mesmos possam ser, ainda, e ultrapassadas as barreiras do subdesenvolvimento, uma parcela sofisticada e evoluída da humanidade”.
    Você é o primeiro muçulmano capaz de um raciocínio articulado, coerente e lógico que aqui comenta. Não julgue o conteúdo de um blogue por dois ou três links que lá estão. Sou nacionalista, mas não sou racista nem anti-democrático.
    Posto isto, a realidade que eu descrevi é verdadeira e ACTUAL. Na India,p.ex, é uma organização muçulmana que quer alterar a lei, para poderem casar as suas filhas logo após a maturidade sexual. Não vi nem vejo nenhuma outra organização muçulmana levantar a voz contra isso.
    Quanto ao anti-semitismo do Myciw.org, quantos exemplos quer que eu lhe dê? 30? 40? Esteja à vontade. E seja bem-vindo. Aqui, discute-se com base em argumentos. Até agora, como já lhe disse, o argumento mais elaborado que um muçulmano aqui deixou foi comparar o que fazem hoje oa muçulmanos com aquilo que os cristão faziam, há 500 anos – tendo, como conclusão, que nós não podíamos criticar, porque já fizémos assim no passado. Para probreza intelectual, não está mal.
    Espero sinceramente que nos traga algo mais do que isso.

  16. Resposta breve a dois comentários: os americanos e eruopeus que procuram a prostituição infantil na Tailândia estão cometer um crime. Ao contrário dos muçulmanos que casam com menores de 12 anos, perfeitamente autorizados pelo Tribunal, como aconteceu em Lahore, no Paquistão. O senhor que invocou este argumento consegue perceber a diferença entre um crime e um casamento legal? Duvido…
    Sobre citações da Bíblia e da Tora: então, meu caro inteligente, se os outros também fazem, deixa de ser errado? Isso significa que você casava a sua filha de 10 anos com um homem de 40? Parabéns…

  17. Meu caro Farid, uma última nota. Lembra-se do escândalo que houve, em Portugal, quando do dr Vakil (filho) professor no King’s College, disse ao Público que a pena de lapidação, prevista na Sharia, era uma coisa bárbara? O dr. Vakil foi obrigado a retratar-se e a pedir desculpas à Comunidade Muçulmana. O que você diz do profeta Maomé chegava para ser morto no Irão ou no Paquistão. Gabo-lhe a coragem!

    • al rachid al shahid diz:

      os musulmanos de Portugal tem que pedir desculpa aos outros musulmanos da sua tolerancia…ou de divulgar ideias de valores occidentais…

  18. Fernando Alves diz:

    Deixo aqui os meus parabéns ao Farid pela coragem e eloquência nos argumentos.
    Penso que falo por todos os visitantes deste blog se afirmar que nenhum de nós tem ódio ou quer destruir o Islão. Pelo contrário, todos nós esperamos que o verdadeiro Islão, o da Paz e Fraternidade, possa revelar-se e enfrentar os seus fundamentalistas tal como um dia nós, os cristãos, enfrentámos os nossos fundamentalistas.

  19. Pêlo Emriste diz:

    E depois veio o coelhinho e o pai natal ao circo!

    E viveram felizes para sempre…

  20. E viveram os dois felizes para sempre..

  21. Caturo diz:

    Qualquer fundamentalista islâmico que o tente justificar em público sabe bem a ira em que incorre.

    Oh sim, vêem-se milhares de manifestações contra o Irão por autorizar casamentos com crianças, então não… e vêem-se milhões, dúzias, centenas de milhões, de «manifes» mafométicas contra a tal organização muçulmana que quer legalizar o casamento com menores na Índia, ah pois é…

    Bem, compreendo que as massas islâmicas não tenham muito tempo para manifestações dessas… ainda estão muito ocupadas a manifestar-se contra o papa e contra a liberdade de expressão ocidental… pois é, uma coisa de cada vez…

  22. Caturo diz:

    Quanto a esta parte,
    Por outro lado, um muçulmano culto e que tente manter-se informado não olha Maomé como nenhum anjo ou santo. Era um homem da sua época, não incapaz de piedade, mas guerreiro

    parece que o Farid tem de ir dizer isto ao mais elevado líder da comunidade islâmica na Austrália:

    http://www.jihadwatch.org/archives/013406.php

    Força, Farid! Os comentadores anónimos deste blogue estão contigo…

  23. Verdades diz:

    Vale a pena vêr na BBC World a repetição do programa Panorama de 1 Outubro de 2006.

    4500 padres nos EUA abusaram crianças aos quais deviam ensinar o catecismo, e em vez disso sodomizaram e violaram.

    É a Bíblia que lhes ensina isto tudo. A porcaria vem da própria Biblia judaica.

    • al rachid al shahid diz:

      nao digas azneiras verdade so dizes mentiras
      a biblia nao ensina a pedofilia nem ensina a sodomisar crianças,
      quem faz isto tem instincto de animal, nao tem moral nem valor pela criança, e da mais importancia a sua pulsao sexual, que ao julgamento de Deus, ou ao sofrimento da criança..que seja cristao ou do islao ou de outra religiao quem viola uma criança é um porco, e criminoso…!

  24. Verdades diz:

    Aqui está o link para quem está interessado:

    http://news.bbc.co.uk/1/hi/programmes/panorama/5389684.stm

    • al rachid al shahid diz:

      o vaticano é culpado por ignorancia volontaria, e nao protecçao a menores em perigo..a sociedade ja sabia disto ha muitos anos, foi preciso meninas morreram com o belga dutroux para a sociedade acordar da infamia…infelizmente neste mundo a fora a mais dutroux….

  25. Bem vindo, meu caro Verdades. É sempre agradável saber que há muçulmanos como você, para quem sexo com crianças não é crime.

  26. Portugal é lindo e mais nada... diz:

    Recomendamos o livro “Vendidas!, Zana Muhsen. Uma história verídica acerca de uma das práticas mais aberrantes do mundo contemporâneo, que nos faz arrepiar…
    ” (…)Quando voçê tiver razão irão mudar de assunto. Deixe-os à deriva, gente teimosa e burra é isso que mereçe, escreve Vertebrado. É uma boa resposta para outros assuntos tratados neste blogue (mas, você sem c cedilhado e retiramos também a palavra burra). Pois, muitas são as vezes em que o autor deste blogue não responde… Contra factos não há argumentos. Caro Vertebrado, mas neste caso, como certamente já percebeu, discordamos consigo. Bem como, com o caro Farid.

  27. Respondo sempre que posso… não tenho é o dom da ubiquidade e sou obrigado a passar a maior parte do dia a trabalhar…

  28. Portugal é lindo e mais nada... diz:

    O dom da?!
    O caro MZ, não responde por falta de argumentos. E muda frequentemente de temas (embora bata sempre nos mesmos ceguinhos) quando isso lhe convém. Seja sincero. Vá lá, não custa nada.

  29. “ubiquidade”:
    do Lat. ubique
    s. f.,propriedade ou estado de ubíquo.

    “ubíquo”:
    do Lat. ubiquu
    adj.,que está ao mesmo tempo em toda a parte.

  30. Portugal é lindo e mais nada... diz:

    Nós entendemos à primeira, mas agradecemos a sua explicação. Ficámos foi na dúvida se tem pretensões em ser Deus… Por isso, resolvemos “questioná-lo”.

  31. Portugal é lindo e mais nada... diz:

    Leitores deste blogue, vejam o meu comentário n.º26 neste post. O livro é emocionante, excelente. O caro MZ parece querer remetê-lo para o esquecimento. Gostaria ele de vos fazer tal recomendação.

  32. Meu caro, concordo perfeitamente consigo e recomendo também o livro “Vendidas”..

  33. Portugal é lindo e mais nada... diz:

    Agradecemos por concordar connosco. O livro “Vendidas! é um livro escrito por Zana Muhsen, em que descreve a sua própria história. Esta, de 15 anos e a sua irmã, Nadia de 14 foram vendidas por trezento e cinquenta contos pelo pai, Muthana Muhsen. Filhas de pai iemenita e mãe britânica. Viviam em Inglaterra. Um dia, pensavam que iam de férias, quando se viram casadas à força, claro está, em Iémen. Aqui, sofreram violências e humilhações várias.
    Zana conseguiu fugir após oito anos de luta, sofrimento… Porém, o seu filho, a sua irmã e a filha desta continuam lá longe… Zana e a sua mãe não desistem, não baixam os braços e tudo fazem para que os seus familiares sejam libertados do Iémen.

  34. Portugal é lindo e mais nada... diz:

    A terrível história de Zana Muhsen foi vivida, em 1992.

  35. zaapp diz:

    eu,simples e anonimo cidadão estou infelizmente mt abaixo da enorme capacidade intelectual de todos estes senhores que defendem e muito bem uma e outra parte, mas sei meus caros amigos, que ao invés de estarem para aí a discutir quem faz ou a justificar porque”tambem fazem”, deviamos todos concordar com uma coisa:todos nós,uns e outros,deviamos lutar e levantar a nossa voz contra o crime em si, porque nenhum de nós imagina o sofrimento a que estão sujeitas aquelas crianças independentemente de que sociedade ou religião o inflige…tenho dito

    • anonimo diz:

      Faco das suas palavras as minhas.Um dos melhores comentarios que eu li aqui neste blog.
      Seria preferivel unirmos e fazermos algo por estas criancas do que: “Quem e aqui o mais culto?” Sozinha, eu nao faco nada…

  36. Filipe diz:

    Este post retrata uma realidade do Islão, que me repugna. Com oito, nove, dez anos é-se criança, caramba!

    Em abono da verdade se diga, pedofilia existe, em Potugal e não só. Infelizmente.

  37. Pois. Isso faz com que a existência de pedofilia não-criminalizada deva ser encarada com mais tolerância, na sua opinião? MAs alguém disse que em Portugal não havia pedofilia? Só que em Portugal, tal como na maioria dos países civilizados, é um crime. Ao contrário do que acontece na maioria dos países muçulmanos… Não lhe parece que é substancialmente diferente, o que se passa no Afeganistão e o que se passa em Portugal, no que toca a homens de 40 anos terem relações sexuais com crianças de 11?
    Você “suaviza” o que se passa no Afeganistão com o facto de existir pedofilia em Portugal!!!! “Em abono da verdade”????? Meu Deus!

  38. Filipe diz:

    “Pois. Isso faz com que a existência de pedofilia não-criminalizada deva ser encarada com mais tolerância, na sua opinião?…”, questiona-me o cara MZ. Quase que me ofende. Pedofilia é pedofilia e ponto final. Não há qualquer tolerância da minha parte a tais crimes. Crimes horrendos, nojentos. Crimes como estes em que nos países muçulmanos… não são crimes é incompreensível!!! Mas em Portugal e não só, também existe pedofilia, que felizmente é considerada crime.
    Este meu comentário suscitou dúvidas ao cara MZ: “Este post retrata uma realidade do Islão, que me repugna. Com oito, nove, dez anos é-se criança, caramba!

    Em abono da verdade se diga, pedofilia existe, em Potugal e não só. Infelizmente”. Espero que tenha ficado esclarecido. Nada no meu comentário é passível de ter interpretações que estou a “suavizar” o que quer que seja. Como é evidente sou contra que tais crimes (e não só) em países longínquos não sejam puníveis.

  39. Continuo sem perceber porque razão você acrescenta à condenação da pedofilia legal praticada e/ou aceite pela generalidade dos muçulmanos a ressalva de que “em abono da verdade se diga, pedofilia existe, em Potugal e não só. Infelizmente”. Eu menti, para você corrigir, em abono da verdade? Doentes mentais (e os pedófilos são isso) existem em todo o mundo. Eu nunca disse o contrário. Qual a razão da sua ressalva, do seu abrir parentesis, da sua chamada de atenção quanto à existência da pdofilia em Portugal?

  40. Filipe diz:

    Caro MZ, “Em abono da verdade…”, disse. É um facto: Em Portugal e noutros países supostamente civilizados a pedofilia existe. Não fiz qualquer “parêntesis”. Você, não mentiu. Eu também não. Só constantei uma outra realidade, que é punível. Felizmente! Nada mais.

  41. Paulo diz:

    Sobre a Bíblia:

    “Números 31:18 Mas todas as meninas, que não conheceram homem, deitando-se com ele, deixai-as viver para vós.”

    Não sei onde é que isto diz que se pode ter SEXO com as ditas meninas antes de elas crescerem. Ver nisto um apelo à pedofilia é, no mínimo, forçado. A razão pq há padres pedófilos é que até há alguns anos atrás muitos homossexuais iam para padres para poderem esconder a sua homossexualidade.

    Além disso, os versículos do Velho Testamento em questão estão descontextualizados por alguém com vistas demasiado curtas para perceber a diferença entre um aluvião e uma luva na mão.

  42. Estes casamentos pedófilos estão de acordo com a judiaria, com os porcos de Alá, com os inúteis (ciganada) e com os intelectuais made in pós-guerra e Maio de 1968, os tais que assinaram petições a favor da despenalização e descriminalização da pedofilia, mas que quando confrontados com os verdadeiros valores Ocidentais e com gente séria, coraram e responderam que “ah e tal em 68 eram tantas que a gente já assinava tudo”.

    Exemplos de escumalha desse tipo:

    – Casalinho Sartre, O Jean-Paul e a Simone, donos da verdade (para os burros com é óbvio) e recebidos neste país como deuses nos idos de 74 ou 75 (época miserável da nossa história);

    – Michel Foucault (bom pensador em certos assuntos, um paneleiro nojento assumido no que diz respeito à sexualidade e à conduta social);

    – Daniel Cohn-Bendit, judeu ressabiado, líder dos cabeças de caralho armados em “rebeldes” (AHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA, rebeldes LOL) de 68, os tais que partiam tudo e todos e agora até são das polícias, forças armadas e ministérios do interiora e dizem que os Nacionalistas Franceses são isto e aquilo. Agora ou pelo menos até há bem pouco tempo é/era eurodeputado (virou-se para o Sistema, portanto). Reconheceu gostar de práticas sexuais com criancinhas.

    E são os de que me lembro por ora. De tão “avançados e desenvolvidos” que acham que são, acabam por ser como essa gente atrasada do Afeganistão e ciganos afins. Cambada de coveiros da Europa.

  43. Quando me refiro à época de 74/75, refiro-me à época em que este país parecia um pardieiro ou uma lixeira gigante e não ao 25 de Abril em si, pois sem o dito muito provavelmente seríamos capazes de não ter blogs como este.

  44. Meu caro Zé Canivetes: agradeço que não utilize palavrões nos comentários. Obrigado.

  45. Peço desculpa MZ, o blog é seu e tenciono comentar aqui mais vezes.
    Mais uma vez os parabéns pelo espaço que aqui tem :).

  46. Ok, meu caro, não há problema. Confesso que a mim também me apetece, às vezes, largar uma ou duas… Mas a experi~encia que tive, no início, levou-me a adoptar uma politica muito restritiva, nessa matéria, sob risco de as caixas de comentários se tornarem pouco agradáveis. É bem-vindo, continue..

  47. Zeifer diz:

    Bem,a sociedade slamica(como qualquer outra sociedade q tenha religiao como centro) é de maneira geral burra.Bem,religiao e ideologia emburrecem,está mais do q provado.A religiao sempre foi usada para manipular a mente de pessoas mais vulneraveis intelectualmente.

  48. Já que isto é livre vou deixar aqui o que me vai na alma eheheheheh

    “Números 31:18 Mas todas as meninas, que não conheceram homem, deitando-se com ele, deixai-as viver para vós.”

    “Números 31:18 But all the women children, that have not known a man by lying with him, keep alive for yourselves.”

    A PALAVRA DIZ DEIXAI-AS VIVER! NÃO DIZ DEITEM-SE COM ELAS OU COISA QUE O VALHA!

    A Palavra de Deus tem frases, respostas e palavras para tudo o que possamos querer argumentar tanto para o bem como para o mal… isolando as frases ou palavras sem pensar no tempo em que foi escrito, para quem foi escrito e porquê… pode ser muito perigoso!

    Além de que… quem não conhece o novo testamento, não conhece Jesus e o propósito da Sua vinda poderá dizer que Deus é um assassino e um carrasco!

    Mas… o meu conselho para vocês é… em vez de tirar frases soltas para fazerem criticas para o mal… leiam as coisas como deve ser… e para principiantes… aconselho começar no novo testamento em Mateus 1:18.

    Deixo-vos um presentinho de Natal(isolado para o bem)… heheheheh

    “Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Cristo Jesus, homem, o qual se deu a si mesmo em resgate por todos…”
    I Timóteo 2:5-6

    “Disse-lhes Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida.Ninguém vem ao Pai senão por mim.”João 14:6

    “Mas ele foi trespassado pelas nossas transgressões e moído pelas nossas iniquidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados.”Isaías 53:5

    “…Pois conheceis a graça de nosso Senhor Jesus Cristo, que, sendo rico, se fez pobre por amor de vós, para que, pela sua pobreza, vos tornásseis ricos.” II Coríntios 8:9

    “Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o qual nos abençoou com todas as bênçãos espirituais nas regiões celestiais em Cristo…”Efésios 1:3

    (Este foi o propósito da Sua vinda)

    “Disse, pois, Jesus aos judeus que haviam crido nele: Se vós permanecerdes na minha palavra, sois verdadeiramente meus discípulos; e conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará.”João 8:31-32

    “Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus”Romanos 3:23

    “Porque Deus amou o mundo, de tal maneira que deu o seu Filho unigénito,para que todo aquele que n’ Ele crê, não pereça mas tenha a vida eterna”.João 3:16

    “Todos quantos o receberam deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, aos que crêem no Seu Nome.”João 1:12

    “Se com a tua boca confessares ao senhor Jesus, e em teu coração creres que Deus o ressuscitou dos mortos serás salvo.”Romanos 10:9

    “Visto que, com o coração se crê para a justiça, e com a boca se faz confissão para a salvação.”Romanos 10:10

    E para completar…

    Se querem entregar a vossa vida a Jesus então façam esta oração de coração:

    Ó Deus, eu venho a Ti no Nome de Jesus. A Tua Palavra diz: O que vem a mim, de modo nenhum o lançarei fora (João 6:37) Ó Deus, eu creio no meu coração que Jesus é o Senhor, que morreu por mim na cruz, para me salvar. Eu reconheço que andava perdida/o e que sou um/a pecador/a. Jesus, eu entrego-te agora a minha vida e Te recebo como meu Senhor e Salvador. E agora te peço, ajuda-me, guia a minha vida, guia os meus passos, ensina-me os teus caminhos. Obrigado Jesus pela minha salvação.Amén!

    Zeifer… religião são caminhos feitos por homens (imperfeitos) para tentar chegar a Deus… Jesus é o caminho que Deus fez para chegarmos até Ele!

    “…quem crer e for batizado será salvo; quem, porém, não crer será condenado.”Marcos 16:16

    Deus vos abençoe!!!
    Cumps

  49. Zeifer diz:

    Nem sempre é um caminho para se chegar a deus…é perigoso penssar em
    que tipo de contexto varias religioes nasceram,e em q tipo de contexto elas se desenvolveram.Os homens sempre procuraram deus mais pelo medo da morte do q por amor ao criador.
    Obs:eu acredito em deus,n sou ateu n.

  50. Caro MZ, reparei que imensa gente escreve o nome da localidade onde nasceu/habita no campo onde se deveria deixar o blogue ou website pessoal.
    Exemplo disso é o sr(a) Só de passagem, cujo hipotético website tem o endereço -> http://lisboa
    Isto deve acontecer porque a indicação para escrevermos o blogue ou website, chama-se “Sítio”.
    Não sei se será possível alterar o nome do campo, pois não sei quais as condições de alojamento do seu blogue, mas, aqui fica a observação (Provavelmente já tinha reparado antes).

  51. Meu caro: não posso alterar nada em relação em isso, são definições standard do WordPress, o site onde alojo o meu blogue…

  52. Zeifer diz:

    Vou tirar este forum dos meus favoritos,eli morreu…

  53. E eu à beira das lágrimas por causa dessa sua decisão…

  54. anônimo diz:

    Sem incentivar a pedofilia ou quaisquer outra coisa, quero lembrar que no Brasil nosso “ilustre primeiro Imperador” fazia visitas assíduas às senzalas em buscar de escravas novinhas para saciar seus prazeres, e acabou casando com uma princesa européia que tinha apeas 13 anos quando veio ao Brasil para se tornar imperatriz e a mãe de nosso segundo imperado.
    Outros tempos? …
    Outras pessoas? …
    E os sentimentos???

    Reflita-se….

  55. Zeifer diz:

    bem,meu primeiro post foi em 30 de novembro,e teve poucas respostas ate hoje,e quase todas fora do contexto,mas n vou tirar dos meus favoritos n,qd tiver algum novo post eu vouto a postar.

  56. Parabéns, anónimo. Portanto, as visitas do Imperador às senzalas justificam a pedofilia. Parabéns. Você é um crâneo. Pena que não tenha nada lá dentro.

  57. Anônimo diz:

    Sr. Máquina Zero:

    Não justifiquei nada e nem quero justificar; aliás sou contra qualquer tipo de abuso, ainda mais contra menores.

    Talvez o senhor tenha interpretado mal a minha colocação, assim sendo, esclareço:

    Não precisamos procurar criminosos entre os islâmicos, temos bastante dentro de nossa querida “pátria amada, idolatrada, SALVE! SALVE!”

    Ressalto mais uma vez: ABOMINO esse tipo de atitudes, seja por parte de quem quer que sejam.

  58. Certo. Portanto, você não se incomoda com a legalização da pedofilia entre os muçulmanos. E com a prártica deste tipo de pedofilia entre os muçulmanos portugueses? Já o incomoda?

  59. Anônimo diz:

    Apesar de não concordar com muitas coisas não posso mudar o mundo. Cada país tem sua leis. O que é errado para nós (e creio que para a grande maioria da HUMANIDADE) é legal para eles. No meu caso, apesar de abominar a atitude não posso (nem tenho como) ir contra a atitude legalmente aceita nos outros paises.
    Veja um paralelo: se teu carro for roubado no Brasil e ir ao Paraguai e ser “legalizado” lá, e voce tentar reaver teu veíxulo lá, quem vai sofrer as sanções penais é voce e não aquele que te roubou.
    Abomino a Pedofilia mas não as pessoas que a praticam da mesma forma como abomino o homosexualismo e respeito os homosexuais. Aliás, é d iscriminação (leia-se racismo – CRIME) fazer acepção de pessoas).

    • al rachid al shahid diz:

      MAIS UM BRASILEIRO CONVERTIDO EM MUSULMANO
      OU MUSULMANO CONVERTIDO EM BRASILEIRO…anonimo condena a pedofilia mas nao condena os pedofilos..que grande religioso ! que grande protector das crianças ! uma luz este anonimo !
      em que a sua ideia do racismo é discriminar a pessoa..o pedofilo por exemplo..que grande noçao de racismo..o que é que tem a ver a discriminaçao de raças com a discriminaçao de pedofilos anonimo ? aonde esta o acto de ser racista quando se discrimina um pedofilo?
      aonde se viu algum rejeitar um acto e aceitar quem o faz? que paradoxo ! uma imagem de uma certa confuzao mental para proteger pessoas que hajem mal contra a sociedade e sobretudo contra crianças…

  60. PP&I diz:

    Que raciocínio brilhante! Se um Estado legalizar o homicídio ou o extermínio étnico, paciência! Cada país tem as suas leis, logo têm de ser cumpridas! Mande-se a ética às urtigas! Dura Lex Sed Lex!

    Que pena não existir uma lei contra gente estúpida!

    E depois a cereja em cima do bolo: Abomino a Pedofilia mas não as pessoas que a praticam.
    É a total inversão/perversão da moral. Este imbecil, vejam bem, acha que a pedofilia – que por si só não é um crime, mas sim um estado psicológico e um desvio sexual – é essencialmente negativa (nada a opor). Mas oferece compreensão e solidariedade a quem abusa sexualmente de crianças – isto sim, um acto criminoso. E a sua gritante falta de inteligência não lhe permite fazer a distinção entre a atracção sexual entre pessoas adultas e entre o apego doentio por crianças, física e psicologicamente pouco desenvolvidas. Tamanha estupidez, desculpem, causam-me náuseas. Náuseas.

  61. Anônimo diz:

    Caro Sr PP&I – Não tem um nome melhor?
    PP&I soa muito a PIPI (BILAU, BRAULIO) ou qualquer coisa que nem vale a pena

  62. PP&I diz:

    Que lhe interessa o meu nome?

  63. Vera diz:

    Anónimo, portanto para ti a pedofilia não deve ser constestada se constar na lei de um país?

    Alguém que é capaz de fazer afirmações tão…tão…sem nome…como as do teu comentário 59 e ainda vem implicar com o nome de quem lhe responde não merece qualquer crédito ou atenção.
    Eu tinha de vergonha de afirmar tais aberrações.

    Então e se o teu filho estiver a ser torturado até à morte num país onde isso é legal? Também vais dizer “ah e tal..é legal, não posso ir contra eles”?

  64. Zeifer diz:

    Pode ate ser legal,e eu n ter meios para poder ir contra,mas legalizaçao da pedofilia é aquilo que há de mais podre na sociedade slamica.Vejam bem,a pedofilia legalizada la n é bem a causa,mas sim apenas um sintoma da fragil estrutura social q existe la.
    A opressao q existe contra mulheres e crianças é oq produz tais aberraçoes.
    La,pelo que entendi. as mulheres n frequentam escolas, n tem direito a educaçao, e conssequentimente sao pessoas vulneraveis intelectualmente.Simplesmente se transformam em fantoches na mao de seus maridos.
    A sociedade slamica é machista, opressora e burra.
    É mais ou menos como a politica no Brasil, continua sempre a mesma porcaria pq quem domina esta sempre la,e o povo é burro e ignorante demais pra fazer alguma coisa.
    Nao sou sociologo, e n sei exatamete do q estou falando, mas acredito em tudo isso q eu disse, qualquer critica post ai

  65. mulher a ler "Vendidas" diz:

    Alguém me sabe responder? actualmente (janeiro 2007) nadia Muhsen ainda se encontra no Iémen????

  66. piloto diz:

    Minhas caras cabeçinhas ideolatras DEUS há só um mas cada povo criou o seu proprio codigo ideologico em relação a religão cada livro de cada religião ñ se deve ler a letra , só os iguenorantes o podem fazer, nem judeus nem cristãos nem muçulmanos têm razão são todos irmãos uns dos outros,primeiros a creditar foram os judeus a seguir os cristãos com o dom de ter entre eles o filho de DEUS(?) e depois por ultimo os muçulmanos, o passado é o passado e temos que olhar para o futuro ,porque por vezes o que dizem os mensageiros da FÉ nem sempre é verdade ,só há um caminha a seguir DEUS,PATRIA E FAMILIA.

  67. DEVE SER TRISTE SE CASAR COM UMA MULHER DE BIGODE(AS PORTUGUESAS)!!!

    HAUHAUHAUA

  68. PORTUGAL PERDEU UM MONTE DE GENTE E SÓ AGORA ESTÁ RECEBENDO OS PIORES AFICANOS.

    JÁ O BRASIL SÓ FOI PARA A FRENTE QUANDO OS PORTUGAYSES PARARAM DE CHEGAR E OS IMIGRANTES DE OUTROS PAÍSES EUROPEUS COMEÇARAM A VIR PRA CÁ!!!

    HAUHAUAUHA

    • SS diz:

      PUTZ, EU QUEM ESCREVI ESSAS ASNEIRAS HÁ 3 ANOS ATRAZ; AINDA BEM QUE SAI DA ESQUERDA E PERCEBI A TEMPO AS IMORALIDADES QUE ESTAVA A DEFENDER QUANDO FAZIA PARTE DISSO..!!

    • al rachid al shahid diz:

      talvez os gays portugueses irao te acompanhar para onde tu desejas…

  69. Zeifer diz:

    Bem Lembrado…

  70. Marcelo diz:

    Nadia Muhsen ainda continua no Yemen e, pelo que já li a respeito, fizeram uma lavagem cerebral à pobre mulher. Diz que é feliz no Yemen e pede à irmã para esquecê-la. O último contacto que tiveram foi em 1996.
    O que mais impressiona é que as autoridades inglesas parecem não estar dispostas a pressionar o governo do Yemen.
    Quanto à pedofilia, tema principal deste blog, existe em qualquer lugar do mundo. Só que nos países ocidentais é considerada crime, causa repulsa na população em geral e a taxa de punição é alta.
    Infelizmente, nos países muçulmanos, ainda é considerado normal um pai entregar (diga-se bem, vender – ou não há dinheiro envolvido no acto?) a filhinha de 10 anos a um homem já feito. Pergunto àqueles cristãos que não vêem mal nenhum a esta prática muçulmana, o que fariam se sua irmãzinha de mesma idade fosse “cedida” a um homem de 30 anos. Quem já teve infância pode imaginar o que se passa na cabeça desta criança.

  71. Conclusão deste longo debate: ainda há quem apoie a pedofilia… sobretudo entre os maometanos e a gente de Esquerda…

  72. marco diz:

    E uma pena que nadia continue no yemen depois de tanto tempo,segundo li,o governo ingles nao faz a minima questao de pressionar os yemenitas a devolverem a pobre rapariga que hoje e ja uma mulher com mais de 4 filhos….
    E uma pequena que ela tenha sofrido ja tanto e continue sofrendo num mundo como o nosso.Em pleno seculo 21 e triste que ainda se ache a pedofilia em certos sitios do medio oriente uma coisa normal.Mas quem acha isso normal nao esta bem,uma crianca de 10 com um homem de 40.E so colocar-mo-nos no lugar da zana ou da nadia tendo que aceitar ser violada…isto e uma tristeza

  73. Anónimo diz:

    Muita gente comenta como se tivesem contra a pedofilia mas entendo mais como se estivessem a lutar para direitos iguais de muçulmanos.

    Existem imensos casos que se passam todos os dias e ninguem vê. O que torna isso um acto normal do homem. Em Africa e mesmo Europa de Leste e áreas de pobresa nota-se a cara das jovens crianças ou adolescentes olhando para obter algo usando o corpo mesmo não o sabendo.
    É um vicio fácil de obter algo.

  74. a pedofilia sempre existiu diz:

    O ocidente tenta se livrar deste hábito cultural, mas em pleno século xx ainda era comum meninas muito jovens tendo filhos na primeira metade do seculo passado.

    são milhares de anos de pedofilia ocidental contra apenas algumas decadas de nova cultura…

    vc´s são mesmo muito controvertidos…

    • SS diz:

      NÃO SABIA QUE O ISLÃ ERA UMA “NOVA” CULTURA E QUE SÓ TINHA ALGUMAS “DECADAS” – O ISLÃ É QUASE TÃO VELHO QUANTO O CRISTIANIXO E A PEDOFILIA ASIATICA MAIS AINDA; É PRE-ISLAMICA..!!

    • al rachid al shahid diz:

      mais um brasileiro a falar

      o que é que tu sabes de Portugal se era ou nao era um pais de pedofilos?
      O Portugues é boa gente e de raça nobre com suficiente respeito pelos outros para nao tocar nos filhos dos outros, e Deus libre o sacana que mexe no filho do vizinho porque nao passara a noite.. neste sentido o Portugues tambem tem honra para nao deixar patifes tocarem em crianças..se ha abusos podera haver, mas serao como o caso da casa pia, aonde porcos de ricos abusaram de orfaos pobres que nao tinham ninguem para os defender.. se fosse numa aldeia nao aconteceria.. saos derivas de sociedade que talvez sejam mais modernas que antigas..porque antigamente as leis eram resolvidas a machadada ou a paulada..

  75. 786 diz:

    maquinazero diz que raparigas casam se ainda muito novas e que isso se trata de pedofilia mas temos que saber separar muito bem as atitudes das pessoas com o que a religiao diz.no islao ninguem pode obrigar uma rapariga a casar, ela tem que casar de sua livre e espontanea vontade ,o que verificamos é que nos paises + pobres e que têm por vezes falta de informaçao em relaçao à propria relegiao, elas talvez sejam obrigadas a casar mas sendo obrigadas sao pelas pessoas e nao porque a religiao o diz.em varios paises vemos jovens que estao muitas vezes sozinhas no mundo e a unica soluçao que lhe dao é a prostituiçao, n seria melhor essas jovens terem um lar alguem que cuide delas como um marido por exemplo?

    • “No islão, ninguém pode obrigar uma rapariga a casar…”

      Pois não, tem toda a razão.
      Ela tem duas opções e pode escolher qual delas quer seguir: 1)Casar com o velho nojento que oe seu também nojento pai lhe arranjou. 2)Ser morta para salvar a honra da familia.

    • | diz:

      no islao ninguem pode obrigar uma rapariga a casar, ela tem que casar de sua livre e espontanea vontade

      taqyiia.

  76. 786 diz:

    ” Circuncisão feminina não é uma prática comum na totalidade do Islão mas é praticada por muçulmanos e também por não-muçulmanos no leste da África, no vale do Nilo, bem como em partes da Península Arábica. Nestas áreas, o costume é anterior ao Islão. Muitos muçulmanos africanos acreditam que a circuncisão feminina seja requerida pelo Islão, apesar de tal costume não ser mencionado no Corão e não existir nenhuma hadith que a autorize.” por isso + uma vez nao deite areia para os olhos dos leitores; saiba separar o trigo do joio

  77. Katiana diz:

    A pedofilia é uma parafilia na qual a atração sexual de um indivíduo adulto está dirigida primariamente para crianças pré-púberes ou ao redor da puberdade. No Islão casar com uma rapariga em fase de crescimento, é uma tradição, como o caso do pais Cabo-Verde (em algumas cidades), em que quem tira a virgindade quando atingem a puberdade (isso é, quando aparece a menarca) quem tira a virgindade é o pai. Isso é uma tradição e o que nós temos que fazer é respeitar porque cada país tem a sua tradição. Eu também sou contra mais a que respeitar, tradições são tradiçoes. Se o próprio Governo é a favor disso quem somos nos para julgar.

  78. Cara Katiana:

    Estou um pouco perplexo, porque tenho amigos cabo-verdianos, conheço um pouco das tradições e cultura de cabo Verde e NUNCA OUVI FALAR DESSA TRADIÇÃO!!! Mas vou investigar e, quando tiver acabdo essa investigação, respondo-lhe aqui. Já agora: pode indicar-me algum link para alguma página de estudios etnográficos onde se fale dessa tradição?

  79. E diga-me Katiana:

    Esse seu respeito pleas tradições, inclui o respeito pela tradição da mutilação genital feminina? Se casasse com um indivíduo de um país africano onde se pratica essa tradição, deixaria que as suas filhas fossem submetidas à mutilação genital feminina?

  80. […] Katiana, uma “pérola” ainda melhor que o Miguel Cabral!!!!!!! Tradição cabo-verdiana: “pai tem relações sexuais com a filha quando ela atinge a a pueberdade” (afirmação de Katiana) […]

  81. Orlando diz:

    Caro MZ.

    Existe uma organização de muçulmanos que levanta a voz e bem alto contra a Sharia e outros degredos que a maioria dos muçulmanos do Medio Oriente apoia estupidamente.

    http://www.freemuslims.org/

    • al rachid al shahid diz:

      todo o musulmano que diz alto as contradiçoes e o fanatismo ou radicalismo dos outros e que é tolerante aceitando as outras religioes merece respeito, mas que o grita bem alto e que o divulge na internet..
      porque sao poucos..

  82. Respeito eh bom! diz:

    Devemos respeitar a religiao e o costume de outras civilizações mao querendo impretar-lhe a otica de nossa civilização. Se este eh um costume normal para eles devemos respeita-los nao fazendo comentarios com o se fossemos os donos da verdade, se para eles eh perfeitamente normal o costume de casar com meninas novas.

    • ALMA diz:

      para ti es facil decir que respeten la religion y las costumbres pero que pasaria si tus hermanas estubieran vendidas y abusadas sexualmente y fisicamente quisiera saber si pensarias lo mismo

  83. Meu caro Orlando:

    Obrigado pela indicação. POr acaso já conhecia essa página e sou visita frequente. Mas obrigado na mesma.

  84. Meu caro “Respeito eh bom”:

    Criticar não é faltar ao respeito. Há um abismo que nos separa, a nós, Ocidente, dos países islâmicos e dos islamitas. Diga-me uma coisa: você colocava um filho seu na rua, com um cartaz a dizer “Whoever insults a prophet, kill him”, como pode ver no cabeçalho do meu blogue? Você ensinava isso ao seu filho? Se não, bem vindo!´Será uma pessoa com quem o diálogo é possível. Mas se está de acordo com esse tipo de atitude, então, meu caro, entre nós não pode haver diálofgo, apenas confronto.

  85. Lidador diz:

    Na perspectiva do “Respeito é bom”, o canibalismo, enquanto comportamento de determinadas culturas, é então uma mera questão de gosto.
    Ou seja, se um canibal, der para trincar a perna a este nosso amigo, ele não deve “fazer comentários e deve até respeitar esse costume normal do canibal”.
    Além disso, o nosso costume é criticar o que achamos mal. Faz parte da nossa cultura e tradição.
    Sendo assim, o caro “Respeito é bom”, não tem de comentar os nossos costumes como se fosse o dono da verdade visto que para nós é perfeitamente normal opinar.

    Ao fazê-lo contradiz-se….o que prova que o seu “raciocínio” não vale um chinelo velho.

  86. Musa diz:

    A menina que se casou com Muhammad foi Aisha e ela tinha cerca de 16 anos quando o casamento foi consumado…

  87. olha antes de mais quero saber o que entendes da cultura caboverdiana? e eu sou caboverdiana e conheço muito bem a nossa cultura e nossa lei. nunca ouvi uma barbaridade tão grande na minha vida. antes de falar asneiras, estupidez, pesquise já que mostraste ser uma pessoa “culta”. se quiseres aprender algo da nossa cultura estou ás ordens. seja corajosa e contacte-me.

  88. wilma diz:

    gostaria de saber o q a biblia diz sobre pedofilia

  89. ricardodabo diz:

    Permitam-me fazer um pouco de publicidade. Escrevi um livro chamado O dia em que conheci o Bicho Papão. Do que se trata a história?
    Quando tinha dez anos fui molestado por um vizinho. Já minha mãe foi estuprada pelo pai dela quando tinha 14. Como minha avó não tomou providências, minha mãe engravidou do pai e nove meses depois trouxe ao mundo um menino aleijado, que ela nunca conseguiu ver como filho. Depois disso ela perambulou muito, até chegar ao interior de Sâo Paulo, onde conheceu três homens, com quem teve três filhos diferentes. Deles, eu sou o mais velho. Hudson é o do meio, e Melvin é o caçula.
    Bem, mas a história não termina aí. Esse filho que minha mãe teve com o pai molestou o meu irmão do meio, Hudson. Sei que é dificil acreditar na história, mas é a pura verdade. Daqui uns dias vou fazer o lançamento do livro aqui na minha cidade e acho que ele vai causar repercussão por motivos óbvios.
    Sobre a discussão de vocês permitam-me dizer alguma coisa. O abuso sexual deve ser encarado como assassinato. Depois do abuso, eu não vivi, apenas administrei sequelas. As outras pessoas que conheço estão em situação semelhante. As pessoas acham repugnante o que acontece durante o abuso. Porém, mais repugnante ainda é o que acontece depois. A vida que se leva é a pior possível.
    Acho preocupante que certas pessoas tentem justificar o abuso em nome de tradição. Devemos respeitar os valores culturais das outras sociedades, mas não compactuar com certos crimes. Extirpar clitóris e molestar crianças é errado em qualquer parte do mundo, e ponto final.
    Por fim, quero discordar de um certo comentário que li. Alguém disse que o problema da pedofilia na Igreja Católica estava ligada à quantidade de homossexuais. Pelo que eu saiba, homossexualidade e pedofilia são coisas bem diferentes. Há homens que, quando não estão molestando crianças, se relacionam com o sexo oposto. E há muitos desses…
    Se alguém se interessar em comprar meu livro, dê uma olhada no meu blog para mais informações: Ricardodabo.blog.terra.com.br

  90. carla diz:

    Eu chamo a isto pedofilia e falta de cultura porque não se pode comparar a mentalidade da idade média com os tempos actuais.
    Os velhos usam o alcorão para casar com meninas ,velhos abusados usam a religião para fins sexuais.
    Os pedofilos do ocidente adoravam que lhes fosse permitido o mesmo.
    Chamo a isto uma vergonha que se esconde e degrine uma religião que como a nossa pode ser bem bonita ,não fosse estes atentados a DEUS e aos direitos humanos,disfarçados de religião. Abominavel

  91. gustavo diz:

    nos estamos no tempo atual ,pelo menos algumas pessoas estão nesse tempo que chamam de atual,eles tem a cultura deles e a seguem

  92. Andre diz:

    as religiões são criadas pelo homem e por isso sofrem naturalmente dos seus vicios. o problema não é a religião, é o homem. uns nao compreendem que uma criança nao esta preparada para se casar ou ter relaçoes sexuais, outros nao compreendem que a mulher tem direitos iguais ao homem, outros ainda acham que existe uma obrigatoriedade divina para dois seres serem obrigados a viver juntos para sempre, outros nao compreendem que o aborto e o uso do preservativo sao medidas necessarias e preventivas de problemas graves e de desresponsabilizaçao como consequencia e nao como causa. enfim. as religiões sao todas mto boas para ficar nos livros e passar ensinamentos mas mais do que isso tornam-se um problema e um bloqueio ao desenvolvimento do raciocinio e a evoluçao do homem.

  93. Luca diz:

    Mesmo lendo a biblia as pessoas podem evoluir e ver o que esta certo ou errado,nem tudo na biblia è para seguir escolhemos as partes mais corretas foi assim que se evoluiu no mundo ocidental,ao contrario dos outros que obrigao as mulheres a andarem cobertas dos pes a cabeça seguem o que lhes interessam com fantasias de venderem meninas virgens para o seu prazer sexual e depois tratao-nas abaixo de cadelas é juntar o util ao agradavél é essa a difrença

  94. que nojo desses homens casr c diz:

    chego a vomitar quandovejo essas coisas pouca vergonha desses homens nojentos deixem nossas crianças em paz

  95. JuaAo diz:

    cara deixa os cara viver!
    é a cultura deles,os custumes,etc..
    se lá fosse proibido samba,o brasil iria proibir também?

    • Lá é proibido o samba.
      Os países Islâmicos proibem todas as formas de divertimento, musica, dança, cinema, leitura, etc…

      Musica apenas é permitida caso a mesma seja de indole islâmita.

      E quanto á tua comparação… É o costume deles, portanto podem violar criancinhas á vontade. Isso significa que um gajo é acusado de pedófilia num país ocidental. Para estar livre de perigo, basta dizer que é muçulmado, que esse é o costume dele e já está!! :)

      Peço desculpa, mas pessoas que tenham as mesmas opiniões que o senhor deviam ser presas e fechadas numa cela escura. E que se deitasse fora a chave.

  96. luciana diz:

    Tudo isso é de dar nojo.

  97. Anónimo diz:

    velhos nojentos…………

  98. Anónimo diz:

    JuaAo – estão sambaé outra coisa ne meu filho

    legal sua visão, estão os pedofilos vão começar usar essas desculpas agora, “cultura” , seu nojento, as crianças não estão pronta para isso, tanto cientificamente como espiritualmente , não se trata de cultura e sim bom senso.

    Daqui uns dias vai aparecer ladrão dizendo que roubar é cultura , só que me falta (aliás jpa virou cultura no senado brasileiro, né?)

  99. Ricardo londina diz:

    JuaAo – estão sambaé outra coisa ne meu filho

    legal sua visão, estão os pedofilos vão começar usar essas desculpas agora, “cultura” , seu nojento, as crianças não estão pronta para isso, tanto cientificamente como espiritualmente , não se trata de cultura e sim bom senso.

    Daqui uns dias vai aparecer ladrão dizendo que roubar é cultura , só que me falta (aliás jpa virou cultura no senado brasileiro, né?)

  100. Renato diz:

    Tudo isso é simplesmente nojento e repulsivo, me incita um ódio muito grande em ver estes pervertidos abusarem de crianças em nome de uma relião pervertida e de uma cultura jurásica. Não sabia que existia tal depravação, bem acho que ainda não acredito nisso tudo, vou pesquisar melhor este assunto.

  101. orkut_ando diz:

    eeee antigamente podia td: irmao com irma , …

    coitada da menina que nao tem estutura de engravidarse…

  102. alma mares diz:

    me da tanta pena esta historia ya e leido el libro muchas veces y siempre lloro por todo el maltrato que ellas han sufrido ojala y dios quiera que pronto termine su sufrimiento

  103. Carlos A Alves diz:

    Para o Anônimo,

    PARA DE FICAR CITANDO A BIBLIA PARA DAR FUNDAMENTOS AO TEUS CONCEITO MEDÍOCRES.

    Jesus deixou claro que ele repudia toda forma de escandalo em relação a uma criança nao seria diferente de incesto/pedofilia

    Disse Jesus : ……Mas, qualquer que escandalizar um destes pequeninos, que crêem em mim, melhor lhe fora que se lhe pendurasse ao pescoço uma mó de azenha, e se submergisse na profundeza do mar. Mateus 18.”

    da proxima vez que quizer cita a biblia sita com com coerencia a outros texto.

    caso nao conseguir é pq vc precisa se converter e entede-lá espiritualmente. só pelos olhos da carne vc fica dando soco ao vento.

    e fim de papo.

  104. a dor da carne é efemera , a dor do espirito eterna. diz:

    portanto quando alguem concorda, ou comete algo contra as crianças, de certeza sofrera consequencias. Ou pensam q crimes desses tornam inpunes? Eu ja constatei q n se deve brincar com coisas tão sérias, aos Olhos de Deus, as crianças são sagradas. Não se deveria zombar de Deus assim.. pois Deus existe e devemos sim, temer à Deus, e evitar sim, cometer crimes hediondos como o da exploração das mulheres, e exploração dos filhos que essas mesmas mulheres poem ao mundo. Deus existe nos olhos de cada inoscencia, e devemos respeita las sim. Lembren se o mundo é efemero, n devemos sujar nossos espiritos cometendo actos impuros, crimes sexuais, espancamentos. Existe sim , a lei do retorno, e todos os grandes lideres do mundo deveriam proteger , empenhar se pela protecção de mulheres e crianças, e não expo los ainda mais em humilhações, isso é brincar com Deus, com Deus n devemos brincar, Deus é Eterno, a nossa vida não.

  105. J.Quakeman diz:

    Prezados; acredito que ‘pedofilia’ seja algum tipo de transtorno mental. Porém, isto não abona as pessoas que sentem tal impulso e nem seus atos cometidos contra crianças. Não importa que nação ou religião a abone ou a abrace como algo ‘cultural’ ou ‘aceitável': pedofilia é crime, como o são os assassinatos cometidos por um serial-killer. Qualquer nação, cultura ou religião que a abone, seja islâmica, cristã, judaica, otentote ou extra-terrestre, está tentando dar um ar de ‘LEGALIDADE’ à algo que qualquer pessoa de bom-senso vê como realmente é: um ato ‘IMORAL’, ‘VIOLENTO’, ‘COVARDE’ E ‘ABJETO’ contra uma criança indefesa. Sobre o que fazer? Denunciar sempre, criticar, apontar esse erro. Seja pela internet ou ‘boca-a-boca’, o negócio é não calar-se nunca!

  106. Gesty diz:

    NAO EXISTE PEDOFILIA NO ISLAM. Veja o víde abaixo que confirma a sentenca acima:

    Pedophile Caught Touching Boy in Mosque

    o link é este:

    • al rachid al shahid diz:

      nao ha pior ignorancia que aquele que quer ignorar…

      La pédophilie en islam est un bienfait. Un oulama explique l’exemple du prophète.

      Mariages forcés des fillettes au Yemen

      Arabie Saoudite, un paradis pour pédophiles

      islam, pedophilie, 1/2 , esclavage, barbarie, bacha bazi, bacha bereesh

      Islam pédophilie gay HALAL : les enfants esclaves sexuels Bacha Bazi d Afghanistan 6/6

  107. Mary diz:

    A esses que criticam os judeus… reparem que a “biblia judia” é o antigo testamento da biblia cristã. O que lá está escrito são os valores da epoca em que foi escrito! No seculo XXI isto nao é normal para nós mas na altura era. Lembrem-se que eram poucos os que chegavam a viver mais de 40 anos, 18 anos na epoca não significava idade adulta, a idade adulta era assim que as crianças se tornavam adolescentes, na altura tornavam-se adultas.
    Se ainda há quem siga à risca o que está escrito nos livros sagrados é porque certamente não pode estar no seu perfeito juizo.

    • pontes diz:

      não tenho conhecimento pleno sobre biblia e afins, mas, sem querer interromper, “historicamente” a religião foi inventada em certo periodo (feudalismo?), ou pertindo por outro caminho, poderia ser uma tradução errônea da biblia, visto que há uma liguagem complicada, que, at´q hoje, estudiosos de teologia tentam interpretar o livro…

    • Ernesto Ribeiro diz:

      Com todo o respeito á sua boa-fé, mas… essa é a desculpa mais FODIDA de todos os tempos.

      “Valores da época?” São os valores dos pedófilos DESTA época, e de qualquer época na pedofilia!

      RELATIVISMO é o último refúgio dos psicopatas, dementes e hipócritas.

      “18 anos na epoca não significava idade adulta”?

      Isso tem a ver com SEXO. PUTARIA. ESTUPRO.

      Por acaso você conhece alguma mãe de família que pariu com 4 anos de idade?!?

      Quem escreveu essa ordem criminosa nos tais livros sagrados não poderia MESMO estar no seu perfeito juizo.

      São ratos velhos podres pedófilos usando a autoridade de Deus.

  108. sutileza44@hotmail.com diz:

    Me dá vontade de vomitar, saber o que fazem com as inocentes crianças. Sempre o mais fraco é sujeito as barbáries dos mais fortes. Sejam animais, mulheres ou crianças. Bando de ESPECISTAS. Quem abusa de uma criança que não está preparada fisicamente nem emocionalmente para o sexo , na minha opinião é um MONSTRO.
    O Ser que se diz “Humano”,vale-se das religiões para praticar as piores barbaridades. tudo em nome da RELIGIÃO.

  109. | diz:

    Video : Pakistani Actress Veena Malik Defies Mullah and States: Mullahs Are Raping Children in Mosques

    http://www.thememriblog.org/blog_personal/en/35231.htm

  110. | diz:

    Fatwa: “It Is Permissible to Have Sexual Intercourse with Prepubescent Girls”

    http://www.mfs-theothernews.com/2011/03/craige-lewis-i-am-so-sick-of-hearing.html

  111. TSAN diz:

    “A pedofilia é uma parafilia na qual a atração sexual de um indivíduo adulto está dirigida primariamente para crianças pré-púberes ou ao redor da puberdade. No Islão casar com uma rapariga em fase de crescimento, é uma tradição, como o caso do pais Cabo-Verde (em algumas cidades), em que quem tira a virgindade quando atingem a puberdade (isso é, quando aparece a menarca) quem tira a virgindade é o pai…”

    Que BARBARIDADE, afirmou aquela Burra ao quadrado da KATINA.
    Em que cidade ou ilha de Cabo Verde existe esta tradição? quem falou disso?
    Sou Caboverdiano, vivo em Portugal no momento, e nós seguimos praticamente as mesmas leis e tradições que Portugal, portanto isso é uma ignorância enorme da tua parte.

  112. | diz:

    allah’s Daughters: el-Lat, el-Uzza, and Manat
    Muslims today do not worship Allah’s daughters and view them as pagan deities. Having said that, it is important to note that Muhammad himself commanded his followers offer prayers to these “Allah’s daughters”. He later retracted it and blamed it on the Devil. It is this true event in Muhammad’s life which was the topic of Salman Rushdie’s book, “The Satanic Verses.”

  113. Fábio Roberto diz:

    Em toda escritura sagrada desde Noé até hojé, não temos visto permição de Deus para tal comunhão.É verdade que os casamentos foram constituidos por Deus. Ele determinou estatutos para que que se não huve-se abusos. Leviticos cap 18. O casamento é livre podendo escolher a mulher o dia de sua entrega ao marido por orden natural de idade.

  114. al rachid al shahid diz:

    Islam ( Religion of peace )http://www.youtube.com/watch?v=BB3Yo6QJs2M&NR=1

    The shocking video Muslims don’t want you to see!!

    Allah order you to beat your wife so you should do it.

    Wife beating by husband Addict in iran 2011

    Islams Shame. Muslim Women Whipped In Public. TruthTube.Tv

  115. al rachid al shahid diz:

    a misericordia musulmana

    chicoteada por ter posto calças….

    Woman Whipped In Public For Wearing Trousers

    !!13-YEAR-OLD SAUDI GIRL SENTENCE TO 90 LASHES & 2 MONTHS IN JAIL FOR CELLPHONE!!

    IRAN islamic lashing punishment in public this is Islamic government

    PAKISTAN’S JUDICIAL SYSTEM IS BEST IN THE WORLD

  116. | diz:

    o islão é racista:

    Libya: Habeshia: Ethnic Cleansing Risk for Black Libyans

    (ANSAmed) — Rome, May 25 — Black Libyans risk an ethnic cleansing action in Libya because of the determination against them by Libyans of Arab origin that sympathise with the rebels, who attack them as though they were Gaddafi’s mercenaries. Such is the warning raised by don Mussie Zerai, an Eritrean priest who in Rome presides the Habeshia cooperation and development agency and who reported the “massacre of 800 Africans in Misrata alone”.

    He pointed out that the massacre was directly reported to him by African refugees who landed in Italy. It is allegedly documented in a number of videos of the Habeshia agency website that depict “cruel episodes and fury on lifeless bodies”, which are “manifestation of deep held hate”. In Libya there are two ethnic groups not of Arab origin, said don Zerai, and the risk that they may become the victims of ethnic cleansing during the bloody clashes between Gaddafi’s supporters and the rebels is very high……

  117. al rachid al shahid diz:

    Le racisme des Arabes et des Islamistes envers les Touarègues Berbères de la Libye
    racismo contra os berberes

    racismo contra os franceses
    Famille Arabes Raciste anti-Français, appeler la halde !!!

    Famille Arabes Raciste anti-Français, appeler la halde !!!

    Les musulmans à la conquête de l’Europe.

    SE NAO SAO DO ISLAO SAO CULPADOS AOS OLHOS DE DEUS!
    Vous serez tous des musulmans (French title version)

    Conquête de l’Europe par les musulmans

    Enquete exclusive : Islamisation de Londres

    France réveille-toi ! Racisme anti-Blanc / anti-français

  118. | diz:

    2010: every rape in Oslo committed by followers of Muhammed
    Israel National News has an alarming report with a video included about a new police report from Norway detailing that just about every rape in Oslo was committed by followers of Islam:

    Defenders of Islam call it a “religion of peace” but Norwegian women are learning that Islam is the religion of rape. According to an amazing police report released there this month, every single solved case of assault-rape in the country in 2010 was carried out by a Muslim immigrant.

    The report was cited by an official Norwegian television station. According to the report there was a total of 186 of known rape cases in 2010. These fall into various categories, the largest one of which is assault-rape, carried out by sheer physical force, of which there were 86 cases. In 83 of these cases the perpetrator could be identified by the victim. In all 83, the attacker was described as having “non-western appearance,” a laundered euphemism for Muslim immigrants from Africa, the Middle East, or Asia.

  119. yb diz:

    vc ja leo o alcorao??? te convido a ler comigo
    quantas provas vc que que o alcorao e verdadeiro???
    nao me leve a mal mas vc ta o que a genta diz brain wshed para de assitir coisas sem provas vc nem sabe quem sao essa gente ai na foto, avo neta pai e filha numa foto normal,,, li num dos seus comentarios que vc nao gosta de generalizar as coisas… entao nao faca isso com os outros nao generalize… o facto de uns e outros serem pedoflos nao com que todos o sejam… ou sera que vc tambem foi aluno da casa pia????

  120. Anónimo diz:

    O Alcorao pode até ser um bom livro
    mas alguens seguidores interpretam muito mal e casamentos com crianças é inaceitavél em qualquer parte do mundo
    que prazer uma criança de 4 ou 10 anos vai dar para um homem formado?Eu particularmente não tenho nada contra a religião nenhuma mas isso é uma pedofilia em massa.
    e não é mentira nenhuma porque eles fazem questão de estampar isso em fotos e isso corre o mundo virtual…

  121. Muçulmano diz:

    A causa do sofrimento e da desgraça do mundo arábico-islâmico está no maldito ALCORÃO. Esta obra unipessoal do Sr.MAOMÉ contém versículos desumanos, anti-sociais e absurdos(satânicos). Leia-no desapaixonadamente e compreenderás porquê que os muçulmanos são violentos, polígamos, fanáticos, barbudos, enfim, incivilizados. Enquanto Jesus Cristo evoca amor e perdão infinitos, Maomé no seu livrinho criminoso (1/5 do tamanho da Bíblia) só fala de vinganças(Shaaria: enforcamentos, amputações, etc.), guerras santas(Jiad, Al-kaeda), suicídios em nome de Deus(Kamikazes) fazendo-se passar por “mártires”; legitimação da pedofilia(o próprio Maomé foi o maior pedófilo e polígamo da história – consulte o Google).
    Enfim, tenho muita pena das vitimas do Maomé espalhadas pelo mundo inteiro! Pois UM HOMEM SÃO, LÚCIDO E MORALMENTE ÍNTEGRO NUNCA PODERÁ SER MUÇULMANO!!!…
    Um verdadeiro profeta não pode produzir um livro que promove a violência, a intolerância, a poligamia, guerras santas, vingança em nome de Deus, etc, independentemente da época em que viver!. Analisando sem emoção, constata-se que Maomé foi um guerrilheiro paranóico mulherengo com quem o anjo Gabriel nunca falou, nem em Meca, nem em Medina, nem em Nova York, nem em Lisboa, nem em parte nenhuma!!! Tendo o Maomé nascido 570 anos depois de Cristo, ele devia abraçar humildemente a obra de Cristo (o Novo Testamento) e apecerfeiçoa-la, em vez de inventar o alcorão, e impô-lo à força ao mundo árabe e ao norte da África, atazanando a vida destes povos até hoje. E sul do Sudão é o exemplo disso: tinha-se oposto no sec.VII, e só em 9Julh2011 conseguiu libertar-se, do norte islâmico,
    O sul da Nigéria ainda continua infelizmente em apuros…É impossível convivência pacífica entre cristãos e muçulmanos…assim como Cristo e Maomé são muito diferentes, e, aliáis, vale mais a pena viver em Nova York e Paris do que no Irão ou Arábia Saudita…
    Com o Novo Testamento, Jesus Cristo modernizou, civilizou e “democratizou” a Bíblia, enquanto Maomé, buscando protagonismo, contornou Jesus, e caminhou para atrás em direcção à Abraão e Moisés…e aí está o resultado!!! É impossível haver Islão moderado(só se for fora do alcorão!!!). E se repararem bem, o Bin Laden, os Talibãs, os jiadistas, os kamikazes, o Boko Harm, o Al-Shabad etc, a Jiad Islâmica, etc., devem ser considerados os verdadeiros muçulmanos, porque cumprem integralmente e de boa fé o conteúdo do livro (e prontos a morrer, como “mártires”!!!). E é claro que não são culpados!!… O alcorão deveria ser proibido pela ONU e retirado da circulação, para o bem da humanidade. Pois trata-se duma obra que viola os mais elementares direitos previstos na Carta Universal dos Direitos do Homem proclamados pela ONU em 1945.
    Os muçulmanos da “primavera árabe” andam destraidos: A actual revolta no mundo árabe não é contra as monarquias aí existentes, mas sim, fundamentalmente e indirectamente, contra o islamismo. Pois, no islão é impossível a democracia, a liberdade de expressão(liberdade religiosa!!!), os direitos humanos (direito das mulheres!!!), etc. Por outro, o termo “islão” significa submissão, escravatura, o que é mais compatível com um regime monárquico. Aliás muitos monarcas árabes dizem ser descendentes do Maomé…e legítimos eternos governantes.
    Enfim, «QUANTO MAIS DEMOCRÁTICO FOR UM PAÍS, MENOS ISLÂMICO ELE TERÁ QUE SER, E MAIS CRISTÃO E LAICO ELE DEVERÁ SE TORNAR».

  122. Muçulmano diz:

    Estou de acordo consigo, Sr. Muçulmano!
    SÓ SE PODE SER MUÇULMANO SE SE FOR PARVO, INOCENTE, IGNORANTE, FRUSTADO, DESTRAIDO, DEMENTE MENTAL , ANALFABETO, OU INFLUENCIADO PELA TRADIÇÃO FAMILIAR (NACIONAL), ETC.
    Pois nunca se pode ser muçulmano sendo um indivíduo moralmente integro e equilibradamente lúcido.
    Eu já lí e relí o Alcorão. (E façam o mesmo se quizerem me contradizer!…)
    O versículo que me pareceu mais absurdo, atrevido e ousado foi a surata 33-50,51: Nele, segundo o Maomé, Alá permitiu só á ele exclusivamente o direito de dormir com todos as creentes que lhe cairem nas mãos, sejam primas suas ou não. E é-lhe tambem reservado odireito de as substituir uma por outra ,sempre que quizer,para refrescar o seu apetite sexoal…
    E TU QUE ÉS MUÇULMANO ACHAS SENSATO ISTO???
    Enfim, no Alcorão encontram-se conselhos e apelos para todo tipo de frustação mental:
    Por exemplo, se quiseres ser um suicída(kamikazi) vá ás suratas 9-41; 49-15; 60-10,11; etc.
    Queres implementar uma guerra santa(Jiad), vá à surata 2-190,191; 4-95, etc..
    Gostas de assistir enforcamentos, degolamentos, decepações e aputações dos membros do corpo dum ser humano como você, então vá às suratas 47-4; 5-38.
    Queres odiar outros crentes (cristãos, judeus, etc.) busque ânimo na surata 5-51; 5-82, etc.
    Se não gostas de valorizar as mulheres, vá às suratas 4-3; 33-59, etc.
    Se gostas de crueldades em geral, vá à surata 33-61.
    Adoras violências, vá à surata 47-20,21.

    ENFIM, SE ADORAS O DIADO, VÁ AO MALDITO ALCORÃO.
    A ONU JÁ DEVERIA INTERDITAR A CIRCULAÇÃO DESTE LIVRO QUE APELA Á VIOLÊNCIA E AO TERRORRISMO.
    È impossivel haver islão moderado se tiver como base o alcorão…
    Os muçulmanos que se consideram moderados são aqueles que optaram sê-lo por conta própria, isto é, por conta da sua integridade moral pessoal.
    No Novo Testamento não se vê apelos à violência. E Jesus Cristo não foi polígamo nem impuro… A propagação do islamismo deve-se ás fortunas do petróleo do Médio Oriente…e não aos valores da própria religião em si!

  123. cristão diz:

    ñ sou a favor mais é realidade qui

    aqui n Brasil vc ñ pode casar com menininhas mais amigar sim ai ñ épedofelia.

    tenho muitos colega cristão velhos amigado com menor olha isso ocorre

    em todo territorio brasileiro primcipamente n nor deste

  124. Anónimo diz:

    Feio é ser pobre e não poder sustentar a única mulher que tem, a ponto de incentivar a sair todos os dias nesse rela-rela dos transporte para conseguir uma renda extra.. se eu pudesse construía uma ilha auto-sustentável de luxo e alta tecnologia no meio do atlântico e me casava com umas 200 mulheres pra começar, de 15 a 40 anos ta bom pra mim.. e ainda desafio!! qual o homem hétero de não gostaria de um fetiche desses?????

  125. Bruno R C diz:

    Vcs naum tem o direito de dizer q isso eh pedofilia, e MUITO MENOS q isso eh errado:Ja vi aki no brasil homem de seus 19 ou 20 anos se casar com mulher de 45 e nimguem mete a boca, pelo contrario at apoia dizendo q amor eh amor.Isso é CULTURA meu amigo,e no Islã ou Israel qqr Muçulmano ou Israelita ficaria boquiaberto e falando mal se visse um baita rapazola se casando com UMA SENHORA coma a que exemplifiquei.para eles isso ae de se casar com gurias novas eh muito normal e naum passa de cultura, assim como a poligamia (outra coisa q naum acho errado)…o proprio profeta Muhammad diz que um homem pode se casar com at 10 mulheres mas ISSO EH EXCESSÃO, e NÃO regra.Então colega,pense bem antes de ofender outras culturas com palavras tão inapropriadas.

  126. anoniamo m diz:

    é importante rrespeitar a cultura, a diversidade de cada povo,mas respeitar crimes contra o ser humano, é uma atrocidade!

  127. no brasil se fazem coisas piores com nossas crianças,os políticos incentivam as nossas crianças ao mundo das drogas e prostiuição,e ao mundo do crime.mas quando isso aconteçem culpam os pais,apesar de muitas vezes serem mesmos.agora eu defendo o casamento sim de crianças,pois hj em dia é difícil achar uma menina virgem no brasil,pois as meninas tão transando cedo com 7; .8 ou 12 anos,ou até menos.e temos visto pelos órgãos de imprensa meninas com 10 anos grávidas de muleques de 13 anos ,então ,acho que liberando o casamento evitaria a tal (pedofilia),as crianças sabem mais que muita gente,e sabe de sexo mais que qualquer adulto.já que temos casamento gay pq não de meninas com homens mais velhos?sou a favor sim.isso evitaria tantas menores grávidas de muleques.ou então que volte o regime militar e que ponha fim no crime organizado no brasil.

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

%d bloggers like this: