Jangada iraniana

Navegando na blogosfera portuguesa, há jangadas de todo o tipo. Ainda não tinha encontrado um sincero admirador do sistema de Governo iraniano. Mas há. O Jangada de Pedra, em resposta a alguns comentários meus, contesta que o presidente iraniano alguma vez tenha dito que Israel devia ser destruído. Não senhora, diz o André Levy.

"Ele (o presidente iraninao) não diz que Israel deve ser destruido, opina que é insustentável e irá implodir. Opõe-se à existência de um estado judeu, preferindo um estado no qual as várias populações da região possam igualmente determinar o seu futuro conjuntamente." Mais! O André Levy insurge-se contra o facto de eu considerar que o Irão não é uma Democracia. Escreve ele: "Se acho que o Irão caminha para uma democracia? Esta é uma pergunta carregada pois assume que o Irão não é já uma democracia. Responder passa por clarificar então quais os critérios para se consistir um democracia, e suspeito que as minhas diferem das de MZ: tem de ser laico, ter eleições multipartidárias, liberdade de dissensão?"

Claro que não, ó Jangada de Pedra. Nada disso é preciso, numa Democracia. Partidos? Eleições multipartidárias? Claro que há Democracias que não têm disso. As "suas" Democracias. Você, meu caro, não é meu adversário. É meu inimigo. Porque quem defende que o Irão é uma Democracia, é inimigo da minha Democracia. E da Demcracia de uma larguíssima maioria de Portugueses. Felizmente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: