Escolas infectadas

Não são suficientes quase 30 anos de oportunismo carreirista, que transformaram a Educação numa manjedoura para os docentes. Agora, em vez de darem aulas, fazem-se de vítimas, coitadinhos, vestidos de negro, como se estivessem num funeral. Será que é lícito aos funcionários públicos fazerem manifestações de carácter político nos seus locais de trabalho? E essa cambada que usa o nome – sem ter a capacidade – de "professor" tentasse trabalhar, de vez em quando? E se trabalhassem a sério, com um mínimo de qualidade, em vez de se armarem em "calimeros" choraminguinhas, probrezinhos, tão abandonados e tão sem condições para darem aulas?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: