Crime na Caparica

Um imigrante ilegal, de nacionalidade brasileira, que "aguarda ordem de expulsão de Portugal desde Maio", como escreve hoje o Correio da Manhã, agrediu um turista francês, na Costa da Caparica, roubando-lhe 1.600 euros e um telemóvel. O brasileiro, perito em artes marciais, agrediu violentamente o cidadão francês, que foi internado no Hospital Santa Maria, "receando-se que possa perder um olho, dada a gravidade dos ferimentos".

Deixemos de lado a óbvia ignorância do jornalista, que confunde ordem de expulsão com a sua concretização. Os imigrantes ilegais detectados pelas autoridades não são expulsos? Não senhor. É-lhes dado um prazo para abandonar o País. E são mandados em paz, como se houvesse alguma hipótese de cumprirem voluntariamente essa determinação. O resultado de leis que protegem criminosos é este.

8 Responses to Crime na Caparica

  1. LOUIS XVI diz:

    Ao ler o que escreve fico revoltado, perdoe-me máquina, mas a maioria dos brasileiros aqui no nosso país são uns sacanas lentos e perguiçosos enquanto que as brasileiras são umas megeras que pululam nas casa de alterne, enfim, não é por acaso que chegam de um país de merda como é o BRÁSIU…

  2. Helena Murcela diz:

    voces deviam ter tacto na lingua.

  3. Anónimo diz:

    Tacto na lingua?? Porque não se pode dizer a verdade?
    Murcela? Isso não é carne de porco?

  4. Tacto na língua e tento nos dedos… Ó Helena, quanto vale uma 4ª classe bem feita, à moda antiga! Diz-se “ter tento na língua”. Ó tacto é um dos nossos sentidos, como a audição, a visãoo, etc…

  5. E além disso, “murcela” não se escreve assim, mas assim: “morcela”…

  6. Bruno diz:

    O caso aqui não é xenofobia nem nada que se pareça. Sou 100% contra emigraçao ilegal, era pagar uma viagem de ida para os ditos senhores, e nunca mais os ver.

    Se cometerem crimes, igual pena, mas falar com o pais de origem para eles passarem uma temporada na prisao.

  7. um leitor assíduo diz:

    bem, como leitor deste blog quero pedir-lhe que não sejam autorizados comentários como este: “Tacto na lingua, pois claro! É muito necessário para o desempenho profissional da Helena M. Senão o cliente escolhe outra profissional para o serviço pois então!?”
    Partilho da sua opinião emtodos estes posts mas este tipo de comments fazem-no perdê-la.

  8. Meu caro leitor assíduo: Tem toda a razão. Lapso meu.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: