Os segredos do jornalismo actual

"Ganhou no Totoloto? Conheceu Bill Clinton? Teve 17 filhos? Sobreviveu a dois cancros? Trabalhou para a NASA? Então, conte-nos a sua história. Mande-nos o seu relato, por carta ou email, acompanhado dos seus principais contactos e, se entender, de uma fotografia." – Eis aqui, em breves frases, a essência do jornalismo de hoje. Parabéns ao Correio da Manhã e ao jornalista que dirige esta rubrica, Joel Neto. Algumas sugestões, para acrescentar ao interessante lote do jornal Correio da Manhã: Foi raptado por extra-terrestres? Violou a sua filha? Esfaqueou o seu pai? Tudo isso pode encher uma página de jornal. Aliás, qualquer coisa pode encher uma página de jornal. De vez em quando, até se encontram notícias, em vez de encomendas de amigos, fretes a apaniguados, serviços a agências de comunicação ou sensacionalismos baratos para vender papel.

11 Responses to Os segredos do jornalismo actual

  1. antónio guterres diz:

    coisa estranha de hoje..li um blogue de um idiota que se chama máquina zero

  2. Muito estranho, de facto! Tipos como tu costumam ler apenas a Bola…

  3. antónio guterres diz:

    e é mau a bola?não existem pessoas que escrevem bem n’A BOla?ou os pseudo intelectuais como tu , tem nojo de futebol?

  4. Anónimo diz:

    Não, não é mau ler a Bola. É mau ler SÓ a Bola. É melhor o Máquina Zero fazer um desenho, que o antónio Guterres não vai lá de outra maneira…

  5. antónio guterres diz:

    olha o máquina zero tem um defensor oficioos..

  6. Ok, vou ver se faço um desenho. Mas mesmo assim tenho dúvidas…

  7. Ana diz:

    Picardias que não levam a lado nenhum…. Enfim…. eu sou e sempre serei a favor da verdadeira essência do Jornalismo…. que também se faz n’A BOLA, como no Correio da Manhã, como no Público…. enfim, quero mesmo acreditar que por detrás da luta pelo lucro, ainda se faz bom jornalismo. É preciso é tirar um pouco as vendas dos olhos inclinados para a direita para conseguir ver….

  8. Anónimo diz:

    É preciso haver ingénuos ( e ingénuas) para que se continuem a vender jornais…

  9. Ana diz:

    lol. Não digo mais nada….. É engraçado, pense lá, Sr Anónimo, você conseguiria viver sem jornais? Olhe, eu não, por muitas notícias fait-divers que eles tragam. Porque viver informado é muito mais do que ouvir as ditas ‘fontes oficiais’ que só deturpam a verdade….. O pior é quando os jornais vão atrás dessa deturpação. que fique aqui ciente que eu não defendo absolutamente o jornalismo, mas sim a liberdade de imprensa e de expressão. E defendê-lo-ei até à morte, contra totalitarismos e extremismos de ambos os lados….

  10. Anónimo diz:

    Não exagere. Hoje em dia, nos países democráticos, só os americanos é que são capazes de morrer por alguma coisa em que acreditam. Na Europa, quando muito, faz-se um abaixo-assinado e depois uma manif…

  11. Exactamente. E mesmo assim, é melhor que a manif seja marcada para uma sexta-feira, ou no meio de dois feriados, como aconteceu recentemente com a greve dos professores…

  12. Ana diz:

    Cada um defende aquilo em que acredita. Eu defendo a liberdade de toda a espécie (opção sexual, expressão, de escolha, de imprensa, etc), o Sr Anónimo defende algo que ainda não sei bem o que é.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: