Mortes em Canaã – Chacina do Hizbollah atribuída a Israel

A utilização de civis como escudos humanos, prática habitual do Hizbollah, provocou hoje mais de meia centena de mortos, incluindo muitas crianças, na cidade de Canaã, no Sul do Líbano. Esta é a realidade. Se os terroristas do Hizbollah não colocassem os seus lança-roquetes ao lado de edifícios utilizados pela população civil como refúgio, esta chacina teria sido evitada. Claro que a canzoada do costume vai atirar-se aos israelitas, esquecendo que o Hizbollah dispara premeditadamente contra zonas civis, para atingir mulheres e crianças. Mas isso é a ‘heróica resistência’ do povo palestiniano. Matar uma criança libanesa é um crime. Matar uma criança israelita é auto-defesa.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: