Grande Obikwelu!

francisobi.jpg

O português Francis Obikwelu sagrou-se ontem campeão europeu dos 200 metros, depois de vencer a final de 100 metros – um feito alcançado pela última vez em 1978, pelo italiano Pietro Mennea. Já agora, quem nos informa sobre o dia e hora de regresso de Obikwelu, para que lhe seja feita a festa que merece, à chegada ao aeroporto?

10 Responses to Grande Obikwelu!

  1. João M diz:

    “O português Obikwelu” alto lá! Caro Máquina Zero, não obstante agora, para nosso infortúnio, vigorar o Jus Solis, eu continuo a crer que apenas é português quem tiver sangue português, isto é, creio no princípio do Jus Sanguinis.

    Obikwelu é sempre será, nigeriano, as suas raízes são africanas e, não acredito que no seu intímo ele se sinta português.

    Não coloco em causa as suas qualidades de atleta, aliás, por demais comprovadas. Porém, não posso deixar de encará-lo como um mercenário. Tornou-se vergonhosa esta apetência dos países europeus em “naturalizarem” convenientemente atletas de outros cantos do mundo, uma deturpação da verdade desportiva e um desrespeito pelo espírito Olímpico. Um pequeno país como o Luxemburgo poderá brevemente vir a ser campeão do mundo de futebol ou de outra qualquer modalidade dado a sua capacidade económica permitir-lhe “comprar” os melhores atletas do mundo. Seria correcto? Não me parece.

  2. Meu caro João M, permita-me discordar. No caso do Deco, nada mais do que considerações de carácter financeiro e projecção pessoal terão pesado. No caso do Obikwelu, julgo que a situação é diferente. Vejo nele, quando fala, uma sinceridade e uma pureza diferentes. É um emigrante, é verdade. E embora eu tenha uma poisção clara quanto à emigração desenfreada de gente incapaz de se integrar na nossa sociedade, não classifico o Obikwelu nesse grupo. Mas saber discordar sem exigir a cabeça do opositor também marca a diferença – no Mundo e na blogosfera.

    Cumprimentos,

    Máquina Zero

  3. Luar diz:

    Conheço mal a história recente do Obikwelu. Mas sei que já treina em Espanha há bastante tempo (onde, decerto, não terão deixado de o tentar aliciar). Acho, portanto, digno de referência que se mantenha fiel ao nosso pequeno país.

  4. Anónimo diz:

    Pois e quanto à respectiva chegada, penso que é capaz de ser melhor ir espera-lo ao aeroporto de madrid, pois este sr. vive em espanha!
    Que estranho “português” este!

    João M., voçê tem toda a razão!

  5. Meu caro anónimo: O Obikwelu treina actualemente em Espanha, num clube que lhe dá melhores condições que os clubes nacionais. Não dominui, tal como o facto de jogar em Itália não diminui o Figo, certo? E quanto ao seu regresso a Portugal, onde tem os pais adoptivos, como ele próprio diz, vai uma aposta? Aposto em como ele regressa a Portugal com a comitiva da selecção nacional de atletismo…

  6. Ana diz:

    Eu também aposto!LOL. Caro Máquina, já tenho saudades de lhe enviar comentários a discordar de tudo o que diz. Está a aclamar ou sou eu que mudei a minha maneira de pensar?=)

  7. Ana diz:

    Eu também aposto!LOL. Caro Máquina, já tenho saudades de lhe enviar comentários a discordar de tudo o que diz. Está a acalmar ou sou eu que mudei a minha maneira de pensar?=)

  8. Minha cara Ana, a maioria dos jovens, com o passar do tempo, transforma-se em bons conservadores. É normal que se queira mudar o mundo, aos 20 anos. Aos 30, percebemos que isso é difícil. E aos 40, fazemos força para que as coisas não mudem.
    Lá chegará, esteja descansada. Sabe qual vai ser o passo determinante? No dia em que se tornar proprietária de um apartamento. A partir daí, por exemplo, não vai achar graça ao facto de andarem a pintar grafittis na entrada do seu prédio…
    Crescer é votar cada vez mais à direita. Atendendo à evolução da pirâmide etária, estamos a caminho da vitória!

  9. Ana diz:

    Ora aí está. Tenho de discordar. Ser de esquerda não implica ‘estar-me nas tintas’ se pintarem a entrada do meu prédio. Aliás, durante anos, a entrada do meu prédio foi poiso para fumadores de ganzas activos. Conheço-os a todos, pedi-lhes para não fazer isso, e eles deixaram de o fazer. Atendendo que o salão de jogos debaixo da minha casa é o maior centro de droga de Belém, acho que até correu bem.
    Vou continuar a querer mudar o Mundo. Começo a reparar que é uma tarefa difícil se o estiver a fazer sozinha. Mas não desisto. Votar à direita? Votei no Carmona e ele pôs a CML a financiar TODO o Rock in Rio. Desde a publicidade da Vodafone exposta pela cidade à instalação de tudo e masi alguma coisa na Bela Vista. Para não falar de outros casos… Excepções acontecem, mas direita? Não me parece…

  10. Vai uma aposta? Daqui a 20 anos veremos… Eh, eh, eh… Se eu conseguir viver até lá…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: