Ilegalizar o Islão – Argumentos para um debate

proibir_islao.jpg

O carácter anti-democrático e ditatorial do Islamismo é, sem dúvida, uma ameça para a nossa Democracia. Devemos continuar a tolerar as actividades de um grupo, supostamente religioso mas quem tem objectivos políticos, nomeadamente a destruição do Estado português e inclusão do seu território e povo numa teocracia, substituindo ao mesmo tempo a Constituição, o Código Penal, Códivo Civil e outros grande códigos pela ‘sharia’, a lei islâmica? Uma ideia para debater.

Para quem tem dúvidas, sugiro uma visita a este site: Comunidade Islâmica da Web. Ali poderão ver, por exemplo, como se acusa a polícia inglesa de ter ‘fabricado’ a tentativa de atentado para tirar dos jornais as notícias dos ataques israelitas ao Líbano. E não, não estamos a falar de um site da Al-Qaeda. Estamos a falar de um site onde escrevem muçulmanos portugueses, gente que vive aqui, ao nosso lado.

13 Responses to Ilegalizar o Islão – Argumentos para um debate

  1. Júlio Pomar diz:

    Sem Comentários!

  2. João M diz:

    Óptima ideia! O Islão afigura-se como uma ameaça física e cultural, mesmo civilizacional, aliás comprovado pelo seu historial de invasões, múltiplos massacres, pirataria, escravatura de mais de milhão e meio de europeus, e uma longa lista de atrocidades cometidas em nome do Profeta.

    Posto isto, qualquer organização, ideologia, ou cosmogonia que, tanto em teoria como pela prática, coloca em causa o Estado de Direito, a nossa concepção do mundo e da vida, não deve nem pode ser tolerado, devendo, pelo contrário, ser expurgada da nossa comunidade pelo seu alto grau de nocividade.

    O Islão deve ser ilegalizado, deve ser proíbido, figurando no código penal como ideologia e organização criminosa apologética do genocídio.

  3. Anónimo diz:

    Aquilo é mesmo mau !
    Defendo pelo menos algumas medidas.
    Aqueles cabeçudos, pançudos, barbudos, parasitas, oportunistas e outros que tais e respectivos lacaios , dizem , defendem e justificam as piores merdas e depois dizem sempre que são todos uns santinhos .

  4. Anónimo diz:

    Apoiado! Excelente ideia!

    Engraçado, os comentários aqui fazem lembrar também os judeus! Portanto proponho também a ilegalização do judaismo!

    E finalmente para acabar com quase 2000 anos de idade média na europa, remata-se com a ilagalização do cristianismo e dos seus compadres de esquerda (os comunas e bloquistas!) pois eles são cada vez mais parecidos!

    Tenho a certeza que livrando a humanidade destas pragas passaria a haver alguma esperança para o futuro da espécie humana neste planeta!

    Para ser muito sincero é uma ideia do melhor que há! E raramente falei tão séria e convictamenete!

  5. João M diz:

    O anónimo tem razão em certa medida nas suas comparações, já que as três religiões monoteístas, filhas do deserto, têm raíz semita, entenda-se, extra-europeia. O comunismo, abjecta ideia resultou também de um judeu renegado, Karl Marx, mas não deixou de incutir nessa maléfica ideologia o espírito universalista e igualítario, inerente, por exemplo, ao Islamismo.

    De facto, também creio que não necissitamos para nada esses totalitarismos.

  6. Anónimo diz:

    O islão não é uma religião. É uma ideologia politica do mais fascista que há e portanto proibida pela Constituição.

  7. Quando te lapidarem um familiar, mudas de ideia…

  8. João M diz:

    E estes tipos a darem-lhe com a comparação do Islão com o fascismo, até o ignorante Bush jr já o disse frente às câmeras de TV.

    A ver se o Máquina Zero explicita num próximo artigo que o Islão é Universalista, aplicável a todos os povos, em todos os tempos e em qualquer parte do mundo, logo é uma ideologia igualitarista e niveladora.

    O Fascismo, em sentido contrário, é uma ideologia nacionalista, exclusivista, anti-igualitária.

    O que está mais próximo ideologicamente do islão é o marxismo/Leninismo/ comunismo, ideologia também ela iternacionalista e igualitarista.

    O que é que têm estas três ideologias em comum? O totalitarismo, mas que ainda assim permite-nos verificar uma diferença qualitativa entre elas: O fascismo sempre se assumiu como totalitário. O comunismo, por seu turno, dizia-se democrático, popular e outros termos falaciosos apenas para esconder a sua vergonha em assumir-se como totalitário. Já o Islão, à semelhança do Comunismo, também dissimula a sua verdadeira natureza totalitária, dizendo-se a religião da paz e do amor, da tolerãncia e blá blá blá, quando de acordo com o Corão é o que sabemos…

    Portanto, doravente é favor, se desejarem fazer comparações, designar o islão como islamo-comunismo.

  9. Primeiro que tudo, um esclarecimento: a referência à mudança de ideias quando lhe lapidassem um familiar era dirigida ao Anónimo que postou em Agosto 11th, 2006 às 9:58 pm.
    E acho que o João M tem razão. O comunismo e o islamismo têm, em comum, a dissimulação e a hipocrisia. O marxismo-leninismo falava em ditadura popular e governo das massas. O islamismo, mão no peito e olhos doces, diz que é a religião da Paz. Têm razão. Nós é que nos enganãmos e escrevemos mal. Não é “Paz”. É “pás!pás!” (som de tiros…)

  10. contim diz:

    E um facto: o islamismo é um processo politico-religioso global e de luta de classes. O terceiro mundo contra o mundo ocidental de matriz anglo-saxonica.São muitos e ha uma tendência a aumentar, dia após dia.Se o islão ganhar adeptos na India,China e ex-URSS, por colapsos parciais ou totais desses regimes autoritários, a invasão da Europa é inevitável, com a Turquia à cabeça. Penso que desta vez Atila terá sucesso. A velha,covarde e gorda Europa será refem da sua politica de avestruz. Faço esta afirmação sem gozo nenhum. Receio uma nova mas diferente idade Média.

  11. Pode acontecer. Mas também podemos evitá-lo, se formos corajosos e decididos.

  12. lamparinas diz:

    eles falam ,falam , falam ,falam ,…………nós ouvimos, ouvimos,ouvimos,ouvimos, ……………………..e depois?

    ficamos caladinhos .

  13. lamparinas diz:

    o SR MOHAMED YIOSSUF ADAMGY, RESPONSÁVEL PELA REVISTA DA COMUNIDADE ISLÂMICA (CITADO PELA SÁBADO Nº. 125 , PÁG 51, NÃO VÁS MAIS LONGE ) RESOLVEU O PROBLEMA DO DIA 11 DE SETEMBRO, AS TORRES, AS MORTES, ETC…..ANUNCIANDO QUE O TAL ISLÃO NÃO É UMA FONTE DE TERRORISMO…MAS CITANDO …

    “” DEUS , FONTE DE TODO O CONHECIMENTO, AVISA-NOS DO Seu CASTIGO SE AS PESSOAS COMETEREM ACTOS HOMOSSEXUAIS””

    ESTE TIPO DE FRASE, ALIDADO ÁS IMAGENS DA TV, DEIXA QUALQUER “UM DE NÓS ” A PENSAR SE SERÁ POSSÍVEL VIVER ASSIM.

    COM ESTA CONFUSÃO MENTAL, MUITO MAL DIGERIDA. OU SEJA, AQUILO QUE VEMOS NA TELEVISÃO, SÃO SEMPRE , E SERÃO SEMPRE SÓ HOMENS? HOMO OU HETERO? E AS MULHERES?
    ESTÃO A TRATAR DAS NÓDOAS NEGRAS?

    BEM ESTÃO A TRATAR DO LANCHE DIZ O MEU AMIGO
    PACHECO. CHÁ DE ERVAS E UM FUMANTE …….

    QUALQUER DIA TEMOS DE FALAR COM O PRIMO ………

    QUERO LÁ SABER !(DIZ O PRIMO )

    (O MENINO É LINDO, DEVIA ERA PREGAR NO DESERTO DO QUINTAL DO PAI DELE.

    POIS EM CASA DOS OUTROS MANDAM ELES, OS OUTROS.
    E COM UMA CRUZ , UMA ESTRELA, OU UMA SUPER MAG ESTELAR SUPER ……… E DEPOIS …….

    SERÁ QUE VÃO VIVER FELIZES PARA SEMPRE?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: