Um pouco de Cultura – Vantagens e desvantagens da blogosfera

Não sendo egoísta, partilho com o já razoável número de leitores do Máquina Zero esta pérola da blogosfera: Palavrossavrvs Rex. Confesso que nunca li poesia tão má. Mas tenham cuidado com as críticas. O senhor ferve em pouca água e desata a chamar filhos da p*** a todos quantos achem que não está ali o Fernando Pessoa do século XXI.

28 Responses to Um pouco de Cultura – Vantagens e desvantagens da blogosfera

  1. Luar diz:

    Reacções desse tipo poderão ser de quem escreve «versos», mas não são de quem faz poesia.

  2. João M diz:

    Realmente espreiteie aquilo e fiquei extremamente deprimido com toda aquela morbidez no melhor esteio do sentimento neuro-depressivo judaico.

    Ps/ Escrevo isto sem querer insultar o povo judeu atenção, por isso não venham daí gritinhos histéricos de anti-semitismo.

  3. João M diz:

    Já agora, o Máquina zero dê um olho neste blog: http://www.maoinvisivel.com/blog/ Parece-me bem interessante e não deixe de ler o artigo “O novo Orientallismo” nos arquivos de história do blog.

  4. Atacado no meu blogue num blitz verbal ataque, lancei defensivamente uma katyuskazita sobre o Máquina Zero, mas errei na proporção: fiz muito mal em chamar-lhe a quente ‘filho da puta’, mimo que, por sua vez, me retribuíu coiciforme, enfeitado com o curial «… meu caro Joaquim…».

    Enfim, uma escalada de violência paleial absurda que, se prosseguisse, teria como efeito que o «Contra Tudo e Contra Todos» desse, mas também levasse.

    Agora, porém, ao reparar na generosidade do Máquina Zero divulgando tão prodigamente o meu blogue, a minha má poesia, só posso ficar grato e a pensar quem é que divulgaria a má poesia ou poesia tão má neste mundo?

    Precisamente! A má poesia nunca se divulga nem para efeitos de riso e muito menos os blogues de má poesia. Tem de haver outra razão para de repente me ver atirado para esta arena de apenas vinte e poucos mil visitadores… Mas qual?

    Claro que aqui, com tão poucos comentários (e sobretudo bajuladores do tipo «Má poesia? Sim, sim, mestre!»), uma semente de polémica bem que animaria esta pasmaceira.

    Portanto, o MZ precisou de mim para um solavanquinho de aceleração visitadora. É a blogo-guerra. É o futuro.

    Foi de todas as formas bom saber que o MZ e faz jus ao nome: é uma Máquina onde o papel e a presença do Zero é-lhe visceralmente constitutivo.

    Joaquim Santos

  5. nanda diz:

    Caro MZ,

    Nem todos possuem a sensibilidade necessária para apreciar poesia. Eu aprecio a força das palavras de Joaquim Santos, quer em poesia, quer em prosa.
    Neuro depressivo? Os poemas que tenho lido são um hino à vida. Vida que rasga violentamente com a monotonia e com o tédio dos dias que se sucedem.

  6. É um achado, este Joaquim Santos! Se não fosse tão ordinário, até tinha piada.

  7. Anónimo diz:

    és um cromo maquina pente zero

  8. nanda diz:

    “O poeta chorava
    o poeta buscava-se todo
    o poeta andava de pensão em pensão
    comia mal tinha diarreias extenuantes
    nelas buscava Uma estrela talvez a salvação?
    O poeta era sinceríssimo
    honesto
    total
    raras vezes tomava o eléctrico
    em podendo
    voltava
    não podendo
    ver-se-ia
    tudo mais ou menos
    a cair de vergonha
    mais ou menos
    como os ladrões

    E agora o poeta começou por rir
    rir de vós ó manutensores
    da afanosa ordem capitalista
    comprou jornais foi para casa leu tudo
    quando chegou à página dos anúncios
    o poeta teve um vómito que lhe estragou
    as únicas que ainda tinha
    e pôs-se a rir do logro é um tanto sinistro
    mas é inevitável é um bem é uma dádiva

    Tirai-lhe agora os poemas que ele próprio despreza
    negai-lhe o amor que ele mesmo abandona
    caçai-o entre a multidão
    crucificai-o de novo mas com mais requinte.
    Subsistirá. É pior do que isso.
    Prendei-o. Viverá de tal forma
    que as próprias grades farão causa com ele.
    E matá-lo não é solução.
    O poeta
    O Poeta
    O POETA DESTROI-VOS”

    Mário Cesariny

    Sem mais…

  9. Mais piada que o Joaquim Santos (se soubesse portar-se como gente, à mesa) só a sua admiradora nanda.

  10. Pronto, já estamos saciados de Máquinazero.
    Ficamos sempre a perder.
    Não nos é concedido nenhum benefício da dúvida.
    Somos sempre maus
    sempre os ordinários
    a não-gente, e pronto.

    Nunca vi um blogue tão decalcador da linha discursiva e das opções postantes do Portugal dos Pequeninos, excepto na qualidade, que não há.

    Isto é que é uma verdadeira pérola do plágio sofisticado.

  11. LOUIS XVI diz:

    Caro maquina, devia voltar a mostrar a quem não teve oportunidade de ver o post que elaborou alguns meses atrás sobre a praga dos jovens escritores…cumprimentos.

  12. Louis XVI, já pensou na praga dos que não têm um pensamento autónomo? A praga dos que fazem apenas comentários servis, como este seu ao máquina?

    Era mester!

  13. João M diz:

    Ó Joaquim Santos, és um pateta, e um pateta mediocre que sofre de esquizofrenia. És pequeno, sofres de nanismo intelectual. Assemelhas-te a uma criança que calça os sapatos dos pais para parecer gente grande.

    Cala-te e desaparece, não fazes falta a ninguém, tal como a merda da tua pseudo poesia, peido arrogante de uma sociedade decadente pejada de escroques como tu que são a sombra de si próprios, cambada de hipócritas sem personalidade.

    Ora diz lá se a minha prosa não é incomparavelmente melhor do que esse entulho verbal que despejas naquele teu espaço blogueiro?

    PS/ Gajos como tu até fazem falta, nem que seja somente para isto, para dizer mal, para rir, gozar e humilhar… e enervar, chatear, fazer espumar de raiva…

  14. “A linha discursiva do Portugal dos Pequeninos”! Caramba! Gostava de ter escrito isto. O Lobo Antunes e o José Saramago devem estar a roer-se de inveja, perante o Joaquim Santos.

  15. LOUIS XVI diz:

    Caro Joaquim Santos, cale-se e vá-se matar…

  16. Anónimo diz:

    joao ratao, pente zero e luis 16, voces os 3 estão optimos para fazer parte das conversas de tias da tvi! São tres tristes tias frustradas! Metam-se na vossa vida e deixem de comer merda!

  17. Felgueiro diz:

    Mas que porcaria de blog é este? Que nojeira! Nunca se viu tanta inveja por post e comentário. O máquina zero deve ter muita inveja do Joaquim, não é? E o João também.

  18. Meus caros, palavrões, não! Se os vossos pais costumvam utilizar estas palavras à mesa, não é culpa minha. Portanto, comentário com asneiras, ‘delete’.

  19. Meu Fala-barato Máquina, mentiras maldosas, não! Se os teus pais costumam utilizar um tom habitualmente ofensivo e insultuoso, não é culpa do Joaquim Santos, não é culpa do Palavrossavrvs Rex. Portanto, comentário com insultos e ofensas gratuitas, sobretudo ao bom-senso, ‘delete’.

  20. Ó Joaquim Santos, você tem alguma dificuldade em aceitar o facto de não ser o Camões do século XXI, não tem?

  21. Anónimo diz:

    É incrível como, após o Joao M. ter, em 14 linhas, ter insultado o poeta Joaquim Santos, do início ao fim, usando palavrões e vocabulário insultuoso e agressivo, perante uma pessoa que se calhar nem conhece, assim como noutro post chamado “Faranaz Keshavjee – Dois argumentos justificativos do terrorismo islâmico”, em que chama de “porco” uma pessoa só porque dá a sua opinião, e o senhor maquina zero nada ter dito, tendo inclusive continuando a comentar sobre o Joaquim santos, continuando com os insultos, mas assim que outro utilizador coloca um comentário em que usa por uma única vez uma palavra tão inofensiva como “merda”, diz : “Meus caros, palavrões, não! Se os vossos pais costumvam utilizar estas palavras à mesa, não é culpa minha. Portanto, comentário com asneiras, ‘delete’.”
    Isto só mostra o quão baixo nível é este blog e as pessoas que o frequentam e criticam os outros que são superiores a sí, como é o caso do Joaquim.
    Bem haja!

  22. Anónimo diz:

    Já para não falar na tão eloquente e simpática frase do Louis XVI : “Caro Joaquim Santos, cale-se e vá-se matar…” .

  23. LOUIS XVI diz:

    Caro anónimo, cale-se e vá-se tratar…

  24. Anónimo diz:

    Está a melhorar, passou de matar a tratar… Mais um esforço e conseguem confundir-se com seres humanos.

  25. Meu caro anónimo, o Joaquim Santos não tem nenhuma moral para criticar quem o ataca, mesmo que sejam usados alguns termos mais violentos. O Joaquim Santos, no primeiro comentário que aqui fez, reagindo a uma crítica minha, chamou-me filho da p****. Portanto, se alguém veio baixar o nível do debate, foi o Joaquim Santos.
    Pode ver esse comentário, aqui: https://maquinazero.wordpress.com/2006/08/19/o-assessor-de-imprensa-da-cm-de-lisboa-visto-pelo-ricardo-leal-lemos/#comments

  26. João M diz:

    Se alguém aqui insultou alguém, não Foi o MZ, e realmente excedi-me num comentário a um anónimo noutro artigo, o qual o MZ apagou disciplinando este espaço. Porém, no que toca aos comentários sobre a medonha poesia do Jsantos não retiro uma virgula, é um autêntico Niagara de dejectos verbais, tal como os comentários da falange de apoio que ele arregimentou, como um menino que chama os amigos do bairro para o ajudarem

  27. Anónimo diz:

    Exacto, apagou logo o comentário infeliz que fez, para que ninguém pudesse ver, assim como também apagou duas respostas a um comentário que o João M. fez a outro utlizador, no post “Republicação, em homenagem ao Joaquim Santos e à sua poesia”, chamando-o de palermóide, apaniguado, totó, freak, … , e no entanto esse triste comentário não apagou. Isto é que é imparcialidade …

  28. E como aqui, quem manda sou eu, vou continuar a fazer como entendo, apagando o que acho que deve ser apagado e não apagando o que acho que não deve ser pagado. Como já disse alguém que percebia um pouco mais destas coisas do que eu, quem não tiver pecados que atire a primeira pedra.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: