Estranha notícia do Yahoo

yahoostrangenews.gif

Verdadeiro título da notícia: “Bush more dangerous to world peace than Kim Jong-Il, Ahmadinejad: poll”.  Ou como a colocação de dois pontos e uma palavra distorce completamente o sentido de uma frase. Já agora, a sondagem foi feita junto de 1.010 adultos britânicos, considerados representativos dos 60 milhões de habitantes do Reino Unido e publicada pelo jornal Guardian. As notícias da AFP e do The Guardian não referem quem encomendou a sondagem…

4 Responses to Estranha notícia do Yahoo

  1. Miguel Ângelo F. M. Valério diz:

    Permita-me esta contribuição estatística…

    utilizando a formula normal para o cálculo de uma margem de erro, sendo a população de 60000000 e a amostra de 1010, o valor da margem de erro para um p=0,05 (grau de confiança de 95%) é de 3,08%.

    Ou seja, a interpretação dos valores apresentados, deve ser feita, consciente de que o valor pode ser 3,08 acima ou abaixo.

    No caso concreto, e fazendo um arredondamente da margem de erro para 3% (para faciliatar as contas) os valores seriam:

    – Osama Bin Laden – 84% a 90%
    – George W. Bush – 72% a 78%
    – Kim Jong-II – 66% a 72%

    Nesta caso verifica-se o denominado empate técnico entre GWBush e KJong-II.

    Um abraço.

  2. Ricardo diz:

    Permita-me esta contribuição intelectual(alguém tinha que o fazer). Bush e antecessores redefiniram conceitos como a defensive war e a preventive war em preemptive war. Conceito que não consta na carta da nações unidas. nunca constou. Não estando a dizer que seja isso que se verifica, a actual construção conceptual americana de motivos para desencadear actos bélicos baseia-se na ‘ameaça percepcionada’, e em mais dois critérios idiotas, o que permite à administração entrar em guerra, com as mesmas razões que levaram os nazis a invadir a polónia:’Pareceu-nos que nos iam atacar’. Claro que ainda não é isso que acontece,mas já esteve mais longe.
    Em relação à coreia do norte e à possibilidade de desenvolver armas nucleares, percebo perfeitamente a intenção. Será que os EUA tinham invadido o iraque se Sadam tivesse de facto armas de destruição em massa? Claro que não. Se uma guerra com 3000 baixas causa tanta instabilidade nos EUA (mais de metade da população americana já esta contra a posição do presidente no iraque), uma guerra em que houvesse riscos de mortes de soldados americanos aos milhares, seria impensável.
    Assim, percebe-se porque é essencial que os norte coreanos desenvolvam armas nucleares. Porque senão os americanos passam uns meses a dizer que eles as têm antes de os invadirem. ahahah
    É um raciocínio simplista, mas perfeitamente justificável.

  3. Ricardo diz:

    já agora, lol.
    Um esclarecimento que lhe vai fazer cair o maxilar: À luz da legislação internacional uma preemptive war é indistinguível de uma guerra de agressão. Daí a falta de apoio das nações unidas à intervenção militar americana no iraque. O critério essencial para desencadear guerra preventiva prende-se com a certeza de um ataque. Não com a percepção de uma ameaça. Os estados unidos atacaram o iraque. Um estado soberano.
    Segundo a carta das nações unidas, Sadam tinha justificação legal para invadir os EUA, a partir do momento que os estados unidos desencadearam actos bélicos não provocados. AHAH
    E esta?
    tive pena de não ver formada uma força internacional de aliados a invadirem os EUA. Podiam! Segundo a própria carta da ONU! lol
    é a força ou é a lei que manda no mundo?
    E o que se chama aqueles que alinham com os mais fortes, sem saberem do que estão a falar?
    estúpidos ingénuos ou cobardes inteligentes?

  4. Hummm. Pois. Um pouco difícil de perceber onde o jovem Ricardo quer chegar. Mas percebe-se que gosta menos dos EUA do que da Coreia do Norte. Deve ir a Pyongyang de férias, presumo, tal como o Daniel Oliveira vai à faixa de Gaza.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: