Navegando pelos esgotos da Europa (IV)

Extremistas islâmicos tentam infiltrar polícia espanhola

Reunião familiar justifica entrada em Portugal de 75 % dos imigrantes

Bandos de imigrantes latino-americanos cobram portagem nas ruas espanholas

David Cameron lança cruzada contra a opressão islâmica das mulheres

Ilegais chineses usam a rota das Canárias para chegar à Europa

Habitante de Galizes quer silenciar Igreja

Mufti do Egipto proíbe mulheres na presidência do país

70 por cento dos muçulmanos espanhóis alérgicos à Democracia

7 Responses to Navegando pelos esgotos da Europa (IV)

  1. Batangas diz:

    Madrid habitable o Madrid INHABITABLE ?

  2. Egidio Vaz diz:

    Não li todas as referências,
    Mas MZ, o de esgoto tem essas referências, a não ser o mau odor que os títulos ostentam, numa clara manifestação xenofóbica e de intolerância?

  3. António Marcelo diz:

    O senhor prefere sem dúvida o «Diálogo de Civilizações», carne espanhola e facas colombianas.

  4. Cbr diz:

    Caro Egidio, ja tive oportunidade de responder a um post seu, e devo faze-lo novamente. O senhor mais uma vez esta a confundir as coisas. Pois bem, senao vejamos, o que o senhor está a fazer, de boa fé, e conscientemente é:
    “Bando de imigrantes latino americanos cobram portagens nas ruas espanholas” – está tudo bem.estes senhores concerteza so estarão a fazer isto, produto de uma discriminação social por parte dos espanhois.
    QUEM alertou para o facto de isto estar acontecer, é sem sombra de duvida, manifesto xenófobo e intolerante.
    Oh caro senhor, eu pauto-me pela educação e dialogo, mas vamos la a ver onde chegam as coisas. Estar a mandar areia para os olhos dos outros e usar o racismo para combater o suposto racismo é de um hipocrisia tal, que eu não sei até que ponto o senhor está consciente do que está a dizer.
    O senhor é moçambicano, correcto? Pois imagine, se agora um grupo de jovens portugueses começasse a cobrar portagens nas ruas de Maputo, sobre a ameaça aos moçambicanos. Eu lhe digo em boa verdade que o mais provavel seria serem linchados e o facto ser abafado.

  5. Ringthane diz:

    Pautem-se pelo decoro, caraças,.

  6. Egidio Vaz diz:

    Caro Cbr,
    Gostei do seu curto mas incisivo reparo. Concordo consigo.
    Todavia, peço para que lê o MZ não apenas de uma forma vertical, como o fez, i.e; lendo os anúncios das referências, mas também sobre a ideias que ele pretende transmitir (vamo-la expulsar esse tipos quer estão a estragar a nossa terra).
    Todos os casos reportados pelo MZ são assunto que deveriam ser tratados em foro próprio, e quanto a nós, cada referência deveria merecer um debate sério. Ora, o MZ traz-nos mais de cinco elos (links) de uma vez, e a imagim que tenho é sempre aquela; a dele; a sua precupação, legítima mas ao mesmo tempo preocupante: Portugal para Europeus Cristãos.
    Mesmo assim, não deixo de agradecer a sua boa vontade em, em poucas palavras ter me chamado á várias recordações:
    A da invasão dos chineses em Moçambique.
    Um abraço,
    EV

  7. Cbr diz:

    Eu compreendo o porquê de o senhor sentir que MZ expoe as coisas de uma forma que algumas pessoas poderão achar exageradas. Mas com franqueza, nao terá ele uma certa razão em expor os assusntos desta forma? Afinal, não estamos a falar da D.Maria a quem o filho do Sr.José roubou uma galinha. Estamos a falar de assuntos graves, estamos a falar da invasão de um povo por parte de fanaticos, estamos a falar de esses mesmos que fanaticos que contam coma colabaração, compreensão e ajuda do país que invadem! E que raio..uma pessoa vê isto e pensa, mas ficou tudo maluco? Eu francamente nem sei porque é que ha tantas pessoas preocupadas na maneira como aqui se expõem os probelemas… a maior parte das pessoas,se ja tem medo, da proxma vez que vir um muçulmano, vai é baixar a cabeça. Nos ja nao estamos na idade media, em que bravos combatiam pelo que acreditavam; Nos precisavamos de uma mudança de mentalidades, de uma coesão nacional muito maior.
    O senhor falou-me da invasão de moçambique pelos chineses. Mas o que eles têm feito aí? Por enquanto trabalham e o mais provavel é que assim se mantenham, mas se porventura,algum dia, se começarem a formar gangues de chineses, que se julgam a margem da lei, em que a venda de droga e o crime contra os moçambicanos seja o seu modo de vida e apoiado pelo governo de Maputo, em que o senhor começe a notar que esses parasitas chineses sao beneficiados em prole do seu povo por meio de organizações moçambicanas que o dizem proteger mas protegem-nos é a eles, no dia em que o senhor note a hipocrisia dos governos de esquerda e no dia em que o senhor veja esses grupos de chineses a reclamarem que o verde, o amarelo, preto e vermelho das cores da sua bandeira sejam alteradas pelo facto que isso poderá ofender o budismo, ou outra que tal, no dia em que isso acontecer, talvez o senhor perceba que muitas pessoas que aqui falam, falam nao motivadas por um odio racial, mas por um simples amor a sua terra.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: