Dar al-Islam em França

5 milhões já vivem em território “conquistado”

Em França há 751 Zonas Urbanas Sensíveis, eufemismo politicamente correcto para designar áreas de forte concentração de população de origem imigrante e/ou muçulmana, onde a autoridade do Governo não chega e as intervenções policiais só são possíveis com contigentes reforçados de polícia de choque. Caso esteja a pensar em gozar férias por aqueles lados, fica aqui a lista das referidas zonas e sua localização, nos vários departamentos franceses. Uma cortesia de Gates of Vienna, um dos melhores blogues de denúncia da nova invasão bárbara da Europa.

3 Responses to Dar al-Islam em França

  1. Camões diz:

    FODA-SE!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!ESTOU FARTO DESTA MERDA, CARALHO!!!!!!!!!
    Peço desculpa, não o li o código de conduta mas certamente estou a violá-lo, pelo menos violo aqueles que herdei dos meus pais mas isto é muito injusto.
    Eu não falaria em território conquistado mas em território cedido, em Londres, quando fui ao Harrods, em Knightsbridge os únicos a fazer grandes compras eram mulheres de burka e com seguranças…
    Bem, breve nota hitórica. No dia 29 de Maio de 1453 caiu Contatinopla, actual Istambul e com ela a civilização Bizantina-Grega, herdeira do Império Romano.
    O que fez a Europa perante os gritos de socorro Bizantinos que até se converteram ao Catolicismo numa desesperada tentativa de atrair ajuda Europeia contra os Turcos, em detrimento da sua religião Cristã Ortodoxa?
    A Europa não fez nada, poderia ter feito tudo mas só umas cidades estado Italianas como Génova enviaram pequenos Contigentes.
    Depois os turcos alastraram a fé Islâmica pelos Balcãs onde encontraram forte resistência Sérvia e onde alguns Albaneses se converteram rápidamente em muçulmanos. A batalha que decidiu o destino Sérvio deu-se em terra Sérvia, no Kosovo resultando em milhares de mortos Sérvios.
    Os Sérvios voltaram a conquistar a sua indeppendência no final do século XIX mas só conseguiram um estado que abarcava a maior parte da população Sérvia depois da 1ª Gurra Mundial.
    Vinte anos depois, durante a Segunda Guerra Mundial eclode e a “Nobre Civilização Francesa” permite a invasão Alemã da sua grande aliada do leste, a avançada república Checoslovaca. Os Alemães invadem a Jugoslávia e oferecem o controlo do Norte aos Croatas e Alemães e Croatas atacam forças Sérvias que nunca pararam de lutar contra os Alemães com um custo terrível em vidas humanas para os Sérvios.
    Depois da grande contribuição dos Sérvios para a civilização Europeia dá-se o desmembramento da Jugoslávia e a população Sérvia é atirada para a pobreza extrema e o isolamento internacional.
    Agora o chocante, a Merda Toda:

    Muita gente, incluindo Europeus querem oferecer o Kosovo, que é parte da pátria Sérvia, não da grande Sérvia mas da pequena Sérvia aos Albaneses, que para além de Muçulmanos são um grupo de imigrantes que dificilmente se enquadram numa civilização Europeia.
    Qual é o direito???
    Qualquer dia tranformam a cintura de Lisboa na Républica Sub Sariana A Norte Do Sahra Unida!
    Não á independência do Kosovo, muitos dos Sérvios que saíram do Kosovo saíram porque tinham de combater na guerra e tinham de encontrar melhores condições de vida na sua pátria em guerra.

    Eu vivo na área de Lisboa e o grosso da minha família tem origem na Beira Interior e se os espanhóis invadissem aquelas terras eu sentir-me-ia tentado a ir combater pelo meu passado e futuro, como é que me sentiria se os usurpadores da minha terra fossem uns muçulmanos????

  2. Orlando diz:

    Que mapa estupido!!!

    Dos locais que conheço ta tudo mal…

    Nao estao mencionados os locais de perigo e os k la estao estao errados

    Camoes nao confundas Hijab com Burka

  3. D. Sebastião II diz:

    Orlando, França está a afundar-se a uma velocidade assustadora.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: