Criminosos em julgamento

Morte Casa Pia

“No banco dos réus sentam-se 16 “miúdos”, com idades entre os 17 e os 20 anos, todos portugueses de origem africana, a maioria residente na bairro de Casal da Mira, na Amadora, e alguns do bairro de Porto Salvo , em Oeiras. Sobressaem na irreverência, até no modo de estar em tribunal. Mas, notou-se, sobretudo, ao final, quando tentaram impedir o trabalho da equipa de reportagem da TVI que, no exterior, acabara de entrevistar Reis Nogueira, o advogado da família de Eucrides. “Está a mentir”, diziam alguns, enquanto outros tentavam agarrar a câmara de filmar. A certa altura perceberam que a iniciativa lhes poderia dificultar mais a vida e desistiram.”

‘Tadinhos’ dos meninos! São apenas irreverentes, para o jornalista Licinio Lima, do DN, um escriba politicamente correcto e que nunca deve ter apanhado pela frente um bando de energúmenos deste género.

5 Responses to Criminosos em julgamento

  1. Gil Belford diz:

    Sinceramente, acho indecente como se continuam a inventar desculpas esfarrapadas para desculpar o comportamento destes verdadeiros animais.

    Pergunto-me se será assim tão difícil de aceitar e ver o comportamento por aquilo que ele verdadeiramente é, um homicídio brutal e sem piedade. E tomar acções de acordo com isso, e mandar os responsáveis para a prisão durante o resto da vida deles.

    Acho que se acontecesse uma história semelhante com um branco, não havia cá desculpas nem justificações, era um assassino, e teria sido castigado como tal, sem mais nem menos, como deveria ser.

    Acho que a nossa fraqueza de espírito vai ser (ainda mais) a perdição deste outrora glorioso país, com grande tristeza minha.

  2. Rio su Seine diz:

    “”””Sinceramente, acho indecente como se continuam a inventar desculpas esfarrapadas para desculpar o comportamento destes verdadeiros animais.””””

    Pode ter a certeza que esses argumentos nem tão sedo vão acabar, pelo o contràrio vão aumentar.

    A retòrica desses jornalistas consiste em minimizar e esconder aos portugueses os efeitos desastrosos, mas bem planiados da politica de imigração, cujo o rumo nem sò consiste em critèrios econòmicos par uns e outros, mas tambem a um nivel mais alto não decidido pelo os portugueses (mas escondidos das vistas de todos os povos europeios) mas decidido em Bruxellas, de substituir as povoações indigenas por outras e mudar a face da Europa.

    No espaço de Shengen, jà està previsto a vinda de dezenas de milhões de africanos nestes pròximos anos, com a desculpa de aliviar econòmicamente o continente Africano.

    Em todos os paìses da Comunidade Europeia a povoação cerceral està a explodir com aumentações de mais de 100% (120% para Portugal, 140 para Espanha, 240% para a Holanda). A solução que se registra politicamente e de conjunto è de libertar os criminosos e aliviar os castigos. E assim que em França que jà têm um proceso de impunidade mais avançado se registra a penas um aumento da povoação cerceral de 20%.

  3. Pedro diz:

    Sermos pragmaticos:

    1- Se esta gente tem a nacionalidade portuguesa, que lhe seja distituida
    2- Expulsar esta gente fora de Portugal
    3- Exigir dos paises de origem que aceitem esta gente de volta (para esse efeito utilizar todos os meios de pressao possiveis)
    4- Acabar com o “jus soli”! Se querem a nacionalidade portuguesa nao basta nescer em Portugal, um pedido formal de naturalizaçao deve ser feito.
    5- Acabar com shengen e restablecer o controlo nas nossas fronteiras
    6- Aplicar as regras de 1 a 5 a TODOS os paises da EU.

    A imigraçao afro muçulmana è incompativel com as nossas sociedades europeias (isto deve ser claro), mas antes dessa imigraçao, os primeiros culpados sao aqueles cobardos portugueses que os mandam vir para Portugal. Esses deveriam ser um dia julgados.

  4. Pedro diz:

    Em frança as prisoes sao compostas por 60% a 70% de negros e de arabos. Na Holonda, na Belgica, na Italia mais ou menos a mesma coisa…

    Soluçao simples e eficaz? rua com esta gente!

  5. Boia Chi Molla diz:

    Eles que voltem para a terra deles, Portugal é noSSo!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: