O perigo que chega da Guiné-Bissau

bissau-12.jpg

Este pequeno, miserável e esfomeado país (?) africano está a transformar-se num entreposto para traficantes de droga, com Portugal e numerosa comunidade de imigrantes proveniente daquele país a servir de canal de escoamento para o mercado europeu. Dois traficantes colombianos, detidos na posse de cerca de 650 quilos de cocaína, em Bissau, foram mandados em liberdade pelo juiz encarregue do caso, Gabriel Madjanhe Djedjo.

7 Responses to O perigo que chega da Guiné-Bissau

  1. Filipe diz:

    Sobre droga na União Europeia, vejam uma notícia de hoje, em: http://tsf.sapo.pt/online/vida/interior.asp?id_artigo=TSF175535.

    Faz reflectir e é preocupante.

  2. Carolina diz:

    Pois é, com esta notícia, não é errado dizer que o maior perigo não chega apenas da Guiné-
    -Bissau. Mas, preocupante mesmo é como este grande perigo chega à Europa e todos os malefícios que provoca… e, não propriamente de onde chega.

  3. A Guiné-Bissau, que curiosamente foi o teatro de operações mais complicado na Guerra do Ultramar e que por consequência conseguiu a independência (?!?!?!?) mais cedo, é hoje o PALOP com maior dificuldade em subsistir como país soberano.
    Com toda esta instabilidade política, a falta de interesse económico (nem os Chineses lá querem ir), um território nada propício ao desenvolvimento e imbecis a dizer que “foram o Vietname de Portugal” (vê-se logo que não sabem o que foi o Ultramar nem o Vietname, fase dos EUA), a Guiné-Bissau daqui a 50 anos muito provavelmente não existirá como Estado soberano.
    Ou são absorvidos pelo Senegal (por conseguinte pela França), desfragmenta-se e transforma-se em mais um “failed state” ou então dá a mão à palmatória e procura um estatuto especial com Portugal, qual será a ordem dos acontecimentos não sei, são só os meus humildes “two cents” sobre a Guiné-Bissau.

  4. E como dos “failed states” só se ouvem más notícias, como tráfico de pessoas, estupefacientes, ódio étnico, crimes contra os direitos humanos (tipo mutilações das gajas e tal) etc., corrijo-me afirmando que a Guiné-Bissau está a um pequeno passo de ser mais um “Estado falhado”.

  5. o sr canivete pensa que pode maldisar guiné, nem os seus antepassados com a maquina da exploração não conseguiram e nem mais vao conseguir .
    somos independente desde da existencia de 1º seres humanos que os exploradores encontraram e dizeram “a descoberta”
    o nosso problema nao precisamos dos exploradores que durante seculos tiraram tudo a nossa riqueza e hoje estão criar as leis que impedem a imigraçao, e no seculos passado quem vos dá visto para entrarem no território africano?

  6. carlos diz:

    Porque não desenvolvem como Cabo Verde?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: